Cesar Cielo é mais veloz e avança à final dos 50m borboleta

Cesar Cielo é mais veloz e avança à final dos 50m borboleta

Brasileiro faz o melhor tempo, diz que os primeiros 25m foram ‘bem ruinzinhos’.

É apenas o primeiro dia da natação no Mundial de Esportes Aquáticos, mas por enquanto ninguém foi mais veloz na piscina do Centro Esportivo Oriental que Cesar Cielo. E olha que ele ainda nem está em suas provas favoritas. Após uma semana tensa, com o julgamento do caso de doping, o brasileiro foi liberado para cair na água e, nos dois primeiros mergulhos em Xangai, mostrou que a fome continua a mesma. Já tinha feito o melhor tempo dos 50m borboleta nas eliminatórias e, não satisfeito, repetiu a dose na semifinal. Na manhã deste domingo (noite na China), cravou 23s19 e avançou para a disputa de medalha na segunda-feira. Satisfeito? Nada disso.

- Achei que eu seria um pouquinho mais rápido hoje. Foi uma prova bem balanceada, tenho umas coisinhas ainda para melhorar. Acho que os meus primeiros 25m foram bem ruizinhos. Não acertei a minha saída do jeito que eu geralmente acerto. Na final, eu quero é nadar bem. Acho que hoje eu não nadei tão bem. Amanhã é tocar na borda e ter certeza que fiz uma boa prova - afirmou Cielo.

Bousquet passa raspando

Mesmo sem ser especialista na prova, Cielo tem o melhor tempo dos 50m borboleta no ano: 22s98, no Paris Open. A final em Xangai está marcada para as 7h39m (de Brasília) desta segunda-feira. Cielo vai em busca do seu primeiro ouro na competição chinesa.

O segundo melhor tempo da semifinal foi do australiano Geoff Huegill, que liderou a primeira bateria com 23s26. Em seguida vieram o francês Florent Manaudou, com 23s32, e Jason Dunford, do Quênia, com 23s34. O francês Fred Bousquet, que tinha sido apenas o 14º nas eliminatórias, passou raspando de novo, em oitavo, com 23s42. O sérvio Milorad Cavic, recordista do campeonato na prova, ficou em 12º e não vai disputar a final. O sul-africano Ronald Schoeman, que tinha criticado a decisão do Tribunal Arbitral do Esporte de apenas advertir Cielo, também ficou fora da decisão, com o nono melhor tempo.

Confira abaixo os oito concorrentes à medalha de ouro na final dos 50m borboleta em Xangai.

1. Cesar Cielo (Brasil)

2. Geoff Huegill (Austrália)

3. Florent Manaudou (França)

4. Jason Dunford (Quênia)

5. Steffen Deibler (Alemanha)

6. Andriy Govorov (Ucrânia)

7. Matthew Targett (Austrália)

8. Fred Bousquet (França)

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com