César Cielo perde fôlego e é bronze no Pan-Pacífico

César Cielo perde fôlego e é bronze no Pan-Pacífico

Cielo conquistou sua segunda medalha no segundo dia de competições do Pan-Pacífico

Após liderar boa parte da prova, o brasileiro César Cielo foi ultrapassado nas últimas braçadas e ficou com a medalha de bronze na modalidade 100m livre, no Pan-Pacífico, disputado em Irvine, na Califórnia (Estados Unidos). A medalha de ouro ficou com o americano Nathan Adrian e a prata com o canadense Brent Hayden.

Após puxar a dobradinha brasileira nos 50m borboleta, prova que não é sua especialidade, na quarta-feira, Cielo conquistou sua segunda medalha no segundo dia de competições do Pan-Pacífico, que está sendo disputado em Irvine, nos Estados Unidos.

Nos 100m livre, distância na qual é o atual campeão e recordista mundial, o brasileiro chegou a liderar os primeiros 75m na raia oito, mas caiu de produção no final da prova e acabou com o bronze ao terminar em 48s48. Ele foi superado pelo americano Nathan Adrian, que bateu o recorde do torneio ao fazer a prova em 48s15, e pelo canadense Brent Hayden (48s19).

Após a prova, Cielo confessou ter faltado treinamento para os 100m. No entanto, esbanjou otimismo para os 50m, sua principal especialidade. "Queria sair com três ouros, mas o pódio já é importante. Faltou treinamento, faltou aeróbico porque eu estou morrendo muito no final. Mas vou vencer os 50m daqui a alguns dias", afirmou ao canal SporTV.

Na final B, os também brasileiros Nicolas Oliveira e Henrique Rodrigues ficaram em quarto e sexto, respectivamente.

Fonte: Terra, www.terra.com.br