Felipão acredita na recuperação do Palmeiras após derrota em MG

Após a derrota em Minas, o treinador disse estar triste pela sequência negativa, mas acredita em recuperação na próxima rodada


Chateado com momento do time, Felipão quer melhora contra o Coxa

Sem vencer no Campeonato Brasileiro há sete rodadas e com apenas uma vitória no segundo turno, o técnico Luiz Felipe Scolari admitiu estar chateado com o momento vivido pela equipe na temporada. Após a derrota em Minas, o treinador disse estar triste pela sequência negativa, mas acredita em recuperação na próxima rodada.

- Eu me sinto mal, chateado, triste. Mas tenho de pensar que quem comanda uma equipe e trabalha com um grupo tem que saber superar esses momentos difíceis e tentar mostrar ao time quais são os erros, para trabalhar em cima daquilo que estamos cometendo e possivelmente melhorar alguma coisa para o próximo jogo - afirmou Felipão.

Com desfalques certos para o duelo contra o Coritiba, no próximo domingo, em Barueri, o treinador já tenta pensar como montar o time. Maurício Ramos e Valdivia, expulsos contra o Atlético-MG, estão fora.

- Perdemos, mas vamos montar a equipe com outro jogador. O Valdivia vai fazer o seu trabalho lá no Chile como tem feito pela seleção, tem jogado bem lá, e aqui vamos remontar a equipe - disse.

Apesar de jogar com dois homens a menos na segunda etapa diante do Atlético, o Palmeiras cresceu de produção no fim da partida, pressionou e quase conseguiu arrancar um empate. Felipão fez questão de destacar o papel da equipe nos minutos finais em Sete Lagoas.

- Esse é o espírito que os jogadores reconquistaram quando perdemos dois jogadores. Com esse espírito, com superação, vamos conseguir alguns pontos necessários para ficarmos tranquilos - afirmou Scolari.

Fonte: GloboEsporte