Jogadora acusa o árbitro de ofender o Flamengo: "Disse para a gente c..."

Zagueiro rubro-negro afirma que Alício Pena Júnior debochou da equipe.

O Flamengo perdeu para o São Paulo por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Estádio Novelli Júnior, resultado que deixou o time insatisfeito e alguns jogadores irritados. O zagueiro Chicão não poupou palavras após a partida, válida pelo Campeonato Brasileiro, mas a bronca maior foi com o árbitro Alício Pena Júnior, acusado pelo zagueiro de distribuir ofensas aos flamenguistas durante o jogo. Chicão criticou a postura de Alício na marcação do pênalti que terminou em gol de Rogério Ceni, o primeiro da vitória do Tricolor Paulista.


Chicão acusa o árbitro de ofender o  Flamengo:

- Não sei se foi pênalti ou não, cada um tem uma opinião, mas um árbitro como esse apitando um jogo, chamando nosso time de fraco, mandando a equipe do Flamengo "chupar" porque o São Paulo estava ganhando, não pode estar apitando Campeonato Brasileiro. Todo mundo sabe o histórico dele e que não passa de um babaca apitando jogos - afirmou.

O lance questionado por Chicão aconteceu no início do segundo tempo, quando Elias derrubou Luis Fabiano na área. O árbitro marcou pênalti e Rogério Ceni colocou o São Paulo na frente. Ademilson ampliou a vantagem aos 17 minutos.

O volante Elias também questionou o pênalti e disse ter ficado assustado com as palavras do árbitro, segundo ele, direcionadas ao zagueiro Chicão.

- Pessoas assim no futebol (Alício Pena Junior), tem que tirar. Sem contar o linguajar que ele usou com o Chicão, fiquei até assustado. Só o lance do pênalti achei meio duvidoso. Tem que começar a colocar gente nova para apitar, o pessoal meio antigo já está ultrapassado - considerou.

O narrador Odinei Ribeiro lembrou que Chicão possui um "atrito" com Alício desde a decisão da Copa do Brasil de 2008, entre Corinthians e Sport, quando o zagueiro defendia o Timão e também criticou o árbitro pela maneira como falava com os jogadores .

- De lá para cá tem um "probleminha" entre os dois ou entre o clube Corinthians e o árbitro - lembrou.

Alício Pena Júnior é mineiro e já pertenceu ao quadro da Fifa entre 2003 e 2009.

Fonte: Globo Esporte