Clube paga R$ 6 milhões por jogador que não existe

Clube paga R$ 6 milhões por jogador que não existe

Grupo de internautas cria atacante Nestor Coratella, e forja sua transferência para a Europa

Com o mercado de transferências aquecido, uma negociação em particular chamou a atenção nesta quarta-feira. Segundo noticiou a imprensa espanhola, o Villarreal havia acertado a contratação do atacante uruguaio Nestor Coratella, do Danúbio, por ? 3 milhões (R$ 6,5 milhões). Mas o negócio não chamou a atenção pelos valores. A questão é que Coratella não existe. O jogador e a venda foram frutos da invenção de um grupo de internautas, que fizeram apenas uma brincadeira.

O jornal "Observa", do Uruguai, foi o responsável por desvendar a farsa quando recebeu ligações de jornalistas espanhóis que buscavam informações sobre Coratella. Ao entrar em contato com o Danúbio, o jornal uruguaio descobriu que ele não existia.

Dois fatos ajudaram a fabricar a venda de Coratella para o Villarreal. Um perfil para o jogador, criado no Facebook, com informações e fotos, noticiavam a transferência, inclusive, com comentários do própiro jogador. Além disso, havia vídeos no Youtube com o suposto craque em ação.

Fonte: Globo