Com 3ºC de temperatura, Juan marca no fim, e Inter vence Fla

Com 3ºC de temperatura, Juan marca no fim, e Inter vence Fla

O zagueiro, revelado pelo Flamengo nas categorias de base, não comemorou o gol contra a equipe que o colocou no futebol.

Muito frio, pouco mais de 3°C de temperatura em Caxias do Sul, e o jogo 150 de Leandro Damião. Esses foram os fatores para a partida entre Internacional e Flamengo, que ia se encaminhando para um franco 0 a 0, mas Juan marcou no fim e garantiu a vitória colorada por 1 a 0 neste domingo, no estádio Centenário.

O zagueiro, revelado pelo Flamengo nas categorias de base, não comemorou o gol contra a equipe que o colocou no futebol.

O clube colorado agora está na quarta colocação, com 15 pontos, enquanto os rubro-negros ocupam a 13ª posição, com apenas 9 pontos.

O Inter agora visita, em partida antecipada da 12ª rodada, o São Paulo, fora de casa, no Morumbi. Enquanto o Flamengo faz o clássico com o Botafogo na sua volta ao Maracanã, no domingo, mesmo dia que o clube gaúcho viaja para encarar o Náutico.

O jogo

O primeiro tempo foi marcado pelas bolas na área, principalmente pelo lado do Internacional. Aos seis minutos, Forlán cruzou, a zaga rubro-negra afastou mal e Jorge Henrique cabeceou para fora. Mais tarde, o goleiro Muriel se antecipou e impediu o gol do Flamengo.

Já aos 26 minutos, após bela jogada de D"Alessandro, que cruzou na área, Forlán chutou por cima. O último grande lance da primeira etapa foi nos acréscimos: depois de um chuveirinho do Flamengo, Marcelo Moreno desviou de cabeça, e novamente Muriel salvou o Inter de tomar o gol.

O segundo tempo começou com uma grande chance perdida pelo Inter. Jorge Henrique fez jogada pela direita, cruzou rasteiro, mas o quique da bola enganou Fabrício, que, sem goleiro, chutou por cima.

O Flamengo respondeu aos 14 minutos. A zaga do time colorado afastou mal e Bruninho chutou forte, mas a bola saiu.

Aos 19 minutos, a torcida do Inter aplaudiu nas arquibancadas a entrada de Leandro Damião, que substituiu Kléber. O atacante vinha de recuperação de lesão muscular na coxa e completou seu 150º jogo com a camisa do clube gaúcho.

Mas enquanto o técnico Dunga colocava Damião em campo, Adryan entrava no time do Flamengo. E o jovem meia deu trabalho logo no começo. Primeiro, ele deu belo passe de calcanhar e depois finalizou por cima. Pouco tempo depois, cobrou escanteio na cabeça de González, e Muriel fez a defesa.

Aos 29, Damião recebeu dentro da área, deslocou a marcação, mas a bola desviou na zaga e bateu na rede pelo lado de fora do gol. A partir daí, nos 15 minutos finais, os donos da casa partiram mais para o ataque, enquanto o Flamengo segurava o empate, o que não era ruim para quem jogou fora de casa.

Mas, aos 46 minutos, Ednei colocou a bola na área em cobrança de falta, Felipe saiu mal do gol, e Juan aproveitou a sobra para escorar de cabeça e garantir os três pontos para o Inter. O jogador, que afirmou ter "carinho" pelo clube carioca, não comemorou o gol.

Fonte: msn