Com arbitragem desastrosa, Corinthians empata com Bota

Em jornada infeliz, o baiano errou para os dois lados no jogo entre Corinthians e Botafogo

Em partida que teve seis gols na tarde deste domingo, no Estádio do Pacaembu, as principais atenções ficaram voltadas para a atuação do árbitro Arílson Bispo Nunes da Anunciação. Em jornada infeliz, o baiano errou para os dois lados e viu Corinthians e Botafogo ficarem no empate por 3 a 3, em um movimentado jogo da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar das falhas de Arílson, o duelo alvinegro também foi marcado por belos gols em cobranças de faltas (Marcinho para o Corinthians e Lúcio Flávio para o Botafogo). Mesmo assim, as equipes deixaram o estádio paulista reclamando da atuação do apitador, que se envolveu em, pelo menos, três lances polêmicos que poderiam mudar o resultado final.

Na primeira etapa, aos 28min, os botafoguenses reclamaram de um pênalti cometido por Moradei em uma disputa pelo alto com Victor Simões. Já na etapa final, mais movimentada que os primeiros 45 minutos, o ex-são-paulino André Lima usou a mão para desviar um cruzamento e vencer o goleiro Júlio César. Logo em seguida, Jorge Henrique caiu na área e o árbitro assinalou pênalti, revoltando novante os cariocas.

Fonte: Terra, www.terra.com.br