Com ataque inspirado, São Paulo goleia Botafogo por 4 a 0 e se aproxima do G-4

Com ataque inspirado, São Paulo goleia Botafogo por 4 a 0 e se aproxima do G-4

O São Paulo encontrou um Botafogo com diversos desfalques e pouco demorou para se aproveitar disso.

A festa do torcedor são-paulino por ter vencido o clássico contra o Corinthians no último domingo continuou durante esta quinta-feira. Afinal, diante do Botafogo, no Estádio do Morumbi, o São Paulo voltou a jogar bem, contou com um dia inspirado de seus atacantes e aplicou uma goleada de 4 a 0. Com isso, o time paulista atingiu os 34 pontos e ficou mais perto do Vasco, primeiro time no G-4 do Campeonato Brasileiro, que tem 35.

Já o Botafogo, que está há três rodadas sem vencer, ficou parado com 28 pontos e vê a briga pelo G-4 cada vez mais distante. O time carioca tentará se recuperar diante do Coritiba, fora de casa, no domingo, às 18h30 (de Brasília). Já o São Paulo viajará para enfrentar o Bahia também no domingo, às 16h.

O São Paulo encontrou um Botafogo com diversos desfalques e pouco demorou para se aproveitar disso. Com apenas 5min de jogo, Jadson já descolou um ótimo passe para Luís Fabiano, que fazia seu jogo 200 pelo clube e estava disposto a tornar a partida ainda mais marcante. Ele rapidamente aplicou um corte para passar por Brinner e depois, frente a frente com Jefferson, driblou na velocidade, ficando com o gol aberto para finalizar e abrir o placar no Morumbi.

O futebol bonito do São Paulo continuou aparecendo na sequência. Aos 9min, aconteceu uma nova tabela entre Jadson e Luís Fabiano, sendo que este só foi parado com falta. Rogério Ceni foi para a cobrança, mas mandou a bola para fora. Já aos 23min quem quis fazer bonito foi Lucas. Ele passou por três defensores e chutou cruzado, mas dessa vez Jefferson defendeu. Enquanto isso, do outro lado o Botafogo cometeu seguidos erros, desperdiçou ataques e só começou a melhorar no final, mas pouco assustou Rogério Ceni.

Sem substituições, os dois times voltaram dos vestiários com posturas diferentes. O São Paulo ameaçou se acomodar, enquanto o Botafogo tentou se aproveitar disso. Mas uma substituição acabou evitando que o time do Morumbi sofresse maior pressão: Ney Franco colocou Osvaldo em campo e foi exatamente ele que marcou o segundo gol do jogo, aos 13min, após rebote do chute de Luís Fabiano.

E não demorou para que o Botafogo mostrasse como ficou abalado pelo gol sofrido: aos 15min, o time carioca viu Lucas avançar pela direita, cortar para o meio e arriscar de fora da área. A bola ainda desviou em Fábio Ferreira e entrou no canto. O gol decretou de vez a vitória do São Paulo e desanimou os jogadores do Botafogo.

Nos minutos finais o time carioca ainda conseguiu se reanimar na partida e esteve perto de fazer o gol de honra, sempre nos pés de Elkeson. Aos 24min, ele chutou em cima da defesa, e Brinner ainda tentou aproveitar o rebote, mas sem sucesso. Depois, aos 36min, Elkeson cobrou bem uma falta e por pouco não surpreendeu Rogério Ceni. Mas o gol final saiu do outro lado: Osvaldo arrancou pelo lado esquerdo, passou por Jefferson e tocou para Cícero, sozinho, tocar para o fundo do gol.

Ficha técnica

SÃO PAULO 4 x 0 BOTAFOGO

Gols

SÃO PAULO:

Luís Fabiano, aos 5min do 1º tempo; Osvaldo, aos 13min do 2º tempo; Lucas, aos 15min do 2º tempo; e Cícero, aos 45min do 2º tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Douglas, Rafael Tolói, Rhodolfo e Cortez; Paulo Assunção (Osvaldo), Denilson, Maicon (Wellington) e Jadson; Lucas e Luís Fabiano (Cícero)

Treinador: Ney Franco

BOTAFOGO: Jefferson; Lennon, Brinner, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Renato, Amaral; Cidinho, Seedorf e Lodeiro; Elkeson

Treinador: Oswaldo de Oliveira

Cartões amarelos

SÃO PAULO: Luís Fabiano

BOTAFOGO: Amaral

Árbitro

Jean Pierre Gonçalves Lima

Local

Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)

Fonte: Terra