Com dois de Neílton, Santos goleia Portuguesa e vence a 3ª seguida no Brasileiro

Com dois de Neílton, Santos goleia Portuguesa e vence a 3ª seguida no Brasileiro

O resultado leva o Santos aos 11 pontos, na quarta colocação

A eficiência ofensiva do Santos - principalmente de Neílton - fez a equipe alcançar, neste sábado, um lugar provisório no G4 do Campeonato Brasileiro. Na Vila Belmiro, o time levou sustos contra a Portuguesa, com duas bolas na trave, mas aproveitou suas oportunidadespara definir a vitória por goleada: 4 a 1. Trata-se do terceiro triunfo seguido, provando evolução desde a demissão do técnico Muricy Ramalho, em abril.

O resultado leva o Santos aos 11 minutos, na quarta colocação, a última da zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores. A posição é provavelmente provisória, no entanto, já que neste domingo pode ser ultrapassado por cinco adversários (Bahia, Vitória, Cruzeiro, Corinthians e Grêmio), além de alcançado por outras duas (São Paulo e Atlético-MG).

Pelo menos, os santistas mostraram evolução, com vitórias em sequência sobre Criciúma, São Paulo e Portuguesa ? foram sete gols feitos e apenas um sofrido. A equipe lusitana, por sua vez, pode entrar na zona de rebaixamento do Brasileiro: tem apenas sete pontos ganhos, um a mais do que Ponte Preta, Criciúma, Flamengo e Atlético-PR, e três em relação ao lanterna Náutico.

O Santos abriu o placar logo no primeiro minuto de jogo, com cruzamento de Montillo para cabeçada de Neílton. Aos 10min, ficou mais tranquilo ao ampliar a vantagem, mais uma vez em jogada aérea: Leandrinho cruzou e Willian José, sem marcação, cabeceou para as redes. A Portuguesa então equilibrou o confronto, mas não teve a eficiência ofensiva do rival para buscar a reação.

O time paulistano acertou duas vezes a trave santista: aos 26min, em chute da entrada da área dado por Correa, e depois aos 17min do segundo tempo, com Cañete aproveitando sobra da zaga. Além de sorte, o Santos teve Neílton, que voltou a balançar as redes 30min. O jogador invadiu a área, cortou a marcação e bateu no canto esquerdo do goleiro Lauro.

A Portuguesa ainda descontou aos 42min, com belo gol de Bruno Moares, que completou de voleio um cruzamento de Luís Ricardo. Mesmo assim, o Santos definiu a goleada aos 46min. Léo arrancou pela esquerda e passou para Henrique, que bateu para o gol, mas Lauro espalmou. No rebote, Giva alcançou a bola e apenas empurrou para o gol vazio.

O Santos volta a campo no domingo, 21 de julho, mais uma vez em casa: vai receber o Coritiba, às 16h (de Brasília). A Portuguesa busca a recuperação no mesmo dia, mas às 18h30, contra o Goiás, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Fonte: Terra, www.terra.com.br