Com dores, Fred se apresenta à Seleção e reclama da arbitragem

Com dores, Fred se apresenta à Seleção e reclama da arbitragem

Ainda abatido pela eliminação do Fluminense na Libertadores, atacante se junta ao grupo de Luiz Felipe Scolari e confirma presença contra Inglaterra

Após um desembarque tumultuado no Rio de Janeiro, quando foi xingado e vaiado por alguns torcedores, pela eliminação do Fluminense na Libertadores, Fred se apresentou à seleção brasileira no final da manhã desta quinta-feira, ainda muito abatido pela derrota para o Olímpia.

Além da cara de quem pouco dormiu, Fred reconheceu estar com dores por conta de uma pancada na costela, que o levou a tomar analgésicos. No entanto, as dores não devem atrapalhar os planos de Felipão. O atacante afirmou estar pronto para ajudar a seleção brasileira e garantiu que não será problema para o amistoso contra a Inglaterra, no domingo.

- É uma situação normal. O jogo foi muito duro, e a gente fica chateado pela antijogo. Senti durante o jogo, mas estou bem e pronto para jogar no domingo ? garantiu Fred, na chegada ao hotel da seleção brasileira, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

"O juiz tinha que dar 20 minutos de acréscimo"

Assim como Jean, que recebeu uma pancada no joelho, Fred deve ser avaliado ainda nesta quinta-feira pelo médico da seleção brasileira, José Luis Runco.

Sobre a eliminação para o Olimpia na Libertadores, Fred fez duras críticas ao antijogo que, em sua ótica, foi praticado pelo Olimpia.

- É complicado. Fico chateado. Os caras fizeram dois gols em cinco minutos e depois ficaram caindo toda hora no gramado. O juiz deu cinco minutos de acréscimo, mas os jogadores deles caíam toda hora, eles invadiram com 50 pessoas quando conseguiram a classificação. O juiz tinha que dar 20 minutos de acréscimo.

O camisa 9 ainda acredita que a conquista da vaga no Paraguai poderia acarretar em uma tragédia para os jogadores tricolores:

- Libertadores é comum tomar uma porrada aqui, tomar outra ali. Mas aí começou o antijogo, sumiam as bolas. O auxiliar deu um soco no rosto do Wagner. Dava impressão de que aconteceria algo grave se a gente conseguisse a classificação, assim como já aconteceu com outras equipes brasileiras.

Além de Fred, Jean e Diego Cavalieri também se apresentaram nesta manhã ao técnico Luiz Felipe Scolari. Na sexta, o técnico Luiz Felipe Scolari ganhará os reforços de Bernard e Réver, do Atlético-MG, e de Dante e Luiz Gustavo, liberados pelo Bayern de Munique.

Fonte: GloboEsporte