Com lesão na coxa, Leandro Damião é cortado da Seleção

Com lesão na coxa, Leandro Damião é cortado da Seleção

Com lesão na coxa, Leandro Damião é cortado da Seleção brasileira

Leandro Damião está fora da Copa das Confederações. Um exame de imagem, nesta sexta-feira, confirmou que o jogador está com uma lesão muscular na parte posterior da coxa direita e, por isso, está fora da competição. No lugar dele entrará o atleticano Jô, convocado às pressas na última quinta justamente pelo medo de que a o problema médico fosse grave.

"Ontem ele sentiu dor na face interior da coxa direita. Esperamos para dar todo o período fisiológico da dor, que é um dia. Fizemos exame de imagem no hospital Mãe de Deus e ficou constatada uma lesão muscular que não tem tempo hábil para retornar e disputar a Copa das Confederações, por isso ele será desligado da delegação", disse José Luis Runco, médico da seleção, em entrevista coletiva.

O tempo de recuperação estimado pela comissão técnica da seleção é de três semanas, o que inviabilizaria a participação do atacante na Copa das Confederações, que começa no dia 15 de junho. Agora, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) dará início ao processo de troca dos jogadores na semana que vem, enviando à Fifa, na Suíça, uma cópia do laudo médico de Damião, que permitirá a substituição.

Apesar de não ter dado detalhes sobre como foi a reação do jogador, Runco explicou que o atacante preferiu não falar com a imprensa para comunicar sua saída. Essa não foi a primeira lesão de Leandro Damião na temporada. Há exatamente um mês, ele já havia sentido um pequeno incômodo que o tirou de alguns jogos do Inter. O médico da seleção, no entanto, explicou que ele chegou inteiro à seleção brasileira.

"Esse período ele tinha colocado com o departamento médico do Inter justamente para poder se recuperar. Infelizmente, ele sofreu uma lesão suscetível a qualquer atleta. Foi na hora em que ele estava no treinamento coletivo de ontem [quinta]. Com certeza é uma fatalidade", disse Runco.

Com isso, Leandro Damião perde a chance de estrear pela seleção brasileira em competições oficiais. Destaque do Inter nas últimas temporadas, ele começou a ser convocado com Mano Menezes em 2011, mas não chegou a integrar a delegação que foi à Argentina para a Copa América.

Depois disso, porém, Damião teve várias chances como titular e chegou a atuar na equipe que foi medalha de prata nos Jogos Olímpicos do ano passado, sempre sem convencer totalmente. Com Felipão, ele atuou duas vezes como titular, tendo marcado um gol diante da Bolívia. No último domingo, ele foi usado no segundo tempo do empate com a Inglaterra, mas não marcou.

Fonte: UOL