Com salários atrasados, jogadores admitem dificuldades e crise no Botafogo

O goleiro Renan, 19 anos, ainda mora com a mãe e procura encarar a situação com naturalidade

Os jogadores do Botafogo tentam mostrar em campo que n?o se abalam com o atraso de sal?rios, mas n?o ? f?cil se concentrarem no trabalho sabendo que as d?vidas em casa se acumulam e que n?o h? previs?o para o dinheiro aparecer. O cen?rio ? ainda pior para os que possuem rendimentos mais baixos ou que est?o no clube h? pouco tempo.

Sem chance de fazer uma reserva grande, s?o mais afetados pelo atraso no pagamento, que acaba rapidamente com as reservas. "Ainda tem um pouquinho, mas n?o sei at? quando vai durar. Moro de aluguel e estamos nos segurando. No dia que n?o der mais, vou ter que pegar minhas coisas e sair de l?", afirmou o atacante F?bio.

O goleiro Renan, 19 anos, ainda mora com a m?e e procura encarar a situa??o com naturalidade, mas gostaria que fosse diferente. "A diretoria est? se esfor?ando, mas todo profissional que exerce seu trabalho quer receber por isso", afirmou.

Mais experiente, Leandro Guerreiro tem se equilibrado entre as contas. Ele percebe o impacto que o atraso tem sobre os mais novos. "A gente v? que alguns chegam de cabe?a baixa. Nem d? para ajudar de forma efetiva, pois n?o sabemos quanto isso vai durar e tamb?m precisamos guardar", completou.

Na sexta-feira, surgiu a informa??o de que o atacante Z?rate n?o viajara para Ipatinga, abalado pela falta de pagamento. O argentino desmentiu, alegando uma les?o muscular. De qualquer forma, a diretoria se reunir? com o atacante e promete um esfor?o extra para ajud?-lo.

Nas ?ltimas semanas, o jogador pegou vales para quitar algumas d?vidas e teve esses valores descontados da parte do sal?rio de agosto, pago pelo clube. Os dirigentes devem devolver esse valor ao atleta, para que ele pague os d?bitos restantes.

Fora do campo, as elei?es do Botafogo s? acontecem em 27 de novembro, mas com a chapa ?nica liderada por Maur?cio Assump??o, a forma??o da pr?xima diretoria j? come?ou. Carlos Augusto Montenegro e Ricardo Rotenberg se afastar?o do futebol para o prov?vel retorno de Manoel Renha, o que acarretar? o afastamento total do presidente Bebeto de Freitas. O novo vice de futebol ser? Andr? Silva.

Cl?udio Good, integrante da atual diretora, seguir? como vice de finan?as. Montenegro e Rotenberg trabalhar?o para gerar novas receitas, com foco no Engenh?o. Assump??o corre atr?s de investimento privado para viabilizar o funcionamento do clube no in?cio de 2009, j? que as receitas est?o comprometidas.

Fonte: Terra, www.terra.com.br