Com show de Cristiano Ronaldo e Higuaín , Real Madrid vence e volta à liderança

Com show de Cristiano Ronaldo e Higuaín , Real Madrid vence e volta à liderança

O Real Madrid não teve dificuldade para retomar a liderança do Campeonato Espanhol

O Real Madrid não teve dificuldade para retomar a liderança do Campeonato Espanhol. Comandada por Cristiano Ronaldo e Higuaín, cada um fez dois gols, a equipe merengue venceu o Getafe por 4 a 2, fora de casa, nesta quinta-feira, pela 28ª rodada da competição. O triunfo levou o Real aos mesmos 71 pontos do Barcelona, porém, o time da capital fica na frente por ter melhor saldo de gols (54 a 52). Kaká, que ainda se recupera de lesão, não participou da partida.

Com a vitória do Barcelona sobre o Osasuña, o Real Madrid foi obrigado a entrar em campo com uma postura ofensiva para poder retornar à liderança. E foi isso que aconteceu. O time merengue encurralou o Getafe e não demorou para marcar o primeiro gol. Aos 13 minutos, Cristiano Ronaldo cobrou uma falta da entrada da área e mandou a bola no ângulo, sem chance de defesa.

O gol não diminuiu a sede do Real, pelo contrário. Aos 20, Higuaín recebeu um passe pela esquerda, ajeitou a bola na grande área e bateu cruzado: 2 x 0. E foi o mesmo Higuaín que marcou o terceiro, três minutos depois, ao invadir a área, driblar o goleiro e tocar para o gol vazio. (Foi o 22º gol do argentino no Espanhol, vice-artilheiro da comptição, a três de Messi). Perdido em campo, o Getafe era presa fácil para o adversário. E Cristiano Ronaldo aproveitou a fraqueza dos donos da casa para marcar o gol mais bonito da etapa. Aos 37, o atacante português entrou pedalando pela direita e mandou a bomba no ângulo.

A atuação arrasadora do Real Madrid só foi manchada por uma falha grotesca de Casillas. Aos 38 minutos, o goleiro, ao tentar cortar uma bola na entrada da área, ficou caído no gramado pedindo falta, enquanto Parejo chutava para o gol livre e abandonado.

O Real Madrid não arrefeceu na segunda etapa e permaneceu no campo de ataque. Os atacantes Cristiano Ronaldo e Higuaín também não relaxaram. Cada um teve, pelo menos, uma oportunidade clara de gol. Na chance do português, o goleiro Ustari fez bela defesa após um violento chute. Já o argentino, após dar um lençol no seu marcador, deixou a bola escapar na hora do arremate.

Aos poucos, o Real foi se acomodando, satisfeito com a vantagem construída na primeira etapa. O Getafe cresceu na partida e chegou a marcar o segundo gol, aos 35, por intermédio de Leon, mas nada que ameaçasse a tranquila vitória dos merengues fora de casa.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com