Com show de promessas do TUF, ‘Patolino’ salva a pátria no UFC

Com show de promessas do TUF, ‘Patolino’ salva a pátria no UFC

Outro brasileiro em ação, Gleison ‘Tibau’ acabou nocauteado no segundo assalto da luta

O card preliminar do UFC 168 cumpriu sua função com louvor e abriu com chave de ouro a noite mais aguardada do ano no evento neste sábado (28), em Las Vegas. Em peso no ginásio do hotel MGM, a torcida brasileira teve altos e baixos ao acompanhar o aproveitamento de seus representantes.

Enquanto William ?Patolino? anotou triunfo por pontos diante de Bobby Voelker, o experiente Gleison ?Tibau? acabou nocauteado por Michael Johnson no segundo round e adiou seu sonho de entrar no Top 10 de sua divisão.

Fazendo a segunda luta da noite, Patolino, vice-campeão da segunda temporada do TUF Brasil, anotou sua primeira vitória no octógono do UFC ao dominar a disputa em pé e demonstrar calma e precisão nos golpes para anular o mais experiente Voelker, que com o terceiro revés seguido, pode dar adeus ao seu contrato em breve.

Parecendo ter muito mais do que as seis vitórias até então, o meio-médio (77 kg) brasileiro sempre caminhou para frente e adotou a postura de agressor. Com tranquilidade, o carioca de apenas 22 anos usou bem sua envergadura e frustrou o rival com esquivas completadas com diretos e cotoveladas, que terminaram por abrir um incomodo corte logo acima do nariz do americano.

Coberto com o sangue do adversário, Patolino foi declarado vencedor por decisão unânime dos jurados, que não tiveram dúvidas para anotar o primeiro triunfo do atleta que promete ser uma das maiores promessas do País no MMA dos últimos tempos.

Na penúltima apresentação do card preliminar, Tibau começou melhor e deixou claro que sobrava no quesito força, fator que facilitou para impor seu ritmo e dominar o centro do cage. No entanto, na segunda metade do assalto inicial, o americano pegou o tempo de luta e conectou goles mais fortes, que incluíram um forte cruzado de direita, que fez o brasileiro acusar rapidamente.

No round seguinte, o veterano que fazia sua vigésima primeira disputa no torneio foi dominado e, em rápida troca franca de golpes, acabou beijando a lona ao sofrer um direto de encontro e, após cair em knockdown, receber mais dois socos que obrigaram o juiz a interromper o confronto.

Assim como Patolino, o americano Uriah Hall, vice-campeão do TUF 17, quebrou o jejum e deu show ao anotar sua primeira vitória no octógono diante do rival Chris Leben, astro da primeira edição do reality show nos EUA.

Logo no início das ações, o "Homem Ambulância", apelido conquistado após mandar três rivais do programa para o hospital, acertou uma joelhada voadora que fez o veterano de 33 anos cair sentado. No entanto, Leben levantou e, bem ao seu estilo caçador, buscou agredir o tempo todo, mas esbarrou no melhor jogo de pernas do adversário, que abusou dos contragolpes.

No instantes fnais do primeiro round, Hall conectou um knock down e partiu para o atropelo com diversos socos que só não deram cabo ao combate porque o gongo salvou Leben. Mas por pouco tempo. Assim que chegou ao seu corner, o veterano sinalizou aos treinadores que não voltaria à disputa, para tristeza da torcida.

Com cinco derotas nas seis últimas lutas que fez, Chris Leben deve dar adeus ao UFC e, possivelmente, anunciar sua aposentadoria nos próximos dias. Competindo profissionalmente desde novembro de 2002, o veterano anotou 22 vitórias e 11 derrotas até o momento em sua carreira.

Confira os resultados completos do card preliminar do UFC 168:

Uriah Hall nocauteou Chris Leben no 1º round

Michael Johnson nocauteou Gleison "Tibau" no 2º round

Dennis Siver venceu Manny Gamburyan por pontos

John Howard venceu Siyar Bahadurzada por pontos

William "Pataolino" Macario venceu Bobby Voelker por pontos

Robbie Peralta nocauteou Estevan Payan no 3º round

Fonte: R7, www.r7.com