Com um gol irregular e dois a mais em campo, United derrota o Chelsea

Com um gol irregular e dois a mais em campo, United derrota o Chelsea

Diabos Vermelhos voltam a vencer adversário em Stamford Bridge após dez anos. Resultado coloca equipe de Alex Ferguson a um ponto do líder Blues

Van Persie, Juan Mata, Rooney, David Luiz... Que nada! O principal destaque (negativo) da vitória do Manchester United por 3 a 2 sobre o Chelsea, em Stamford Bridge, em Londres, foi o árbitro Mark Clattenburg. Além de errar na expulsão de Fernando Torres, deixando os donos da casa com dois a menos em campo (o sérvio Ivanovic levou o vermelho corretamente alguns minutos antes), ele ainda validou um gol irregular do mexicano Chicharito Hernández. O lance garantiu os três pontos dos Diabos Vermelhos no duelo deste domingo.

Mas não foram apenas os erros capitais que incomodaram os atletas em campo. Clattenburg, que também comandou a vitória do México por 2 a 1 sobre o Brasil, na final das Olimpíadas de Londres, inverteu faltas, deixou de punir com mais rigor lances mais violentos que aconteceram durante o confronto e enervou os jogadores por conta de decisões trocadas. Com o triunfo, os Diabos Vermelhos quebraram jejum de dez anos sem vencer o rival em Stamford Bridge.


Com um gol irregular e dois a mais em campo, United derrota o Chelsea

Com o resultado, o topo da tabela ficou completamente embolado. O Chelsea permaneceu na liderança, com 22 pontos. Porém, seguido de perto pelas equipes de Manchester. United e City agora dividem a segunda colocação, com 21. Na próxima rodada, os Blues vão visitar o Swansea, no Liberty Stadium. Os Diabos Vermelhos terão outro clássico pela frente, desta vez contra o Arsenal, em Old Trafford. Os dois confrontos serão no sábado.

O United não se incomodou de atuar nos domínios dos Blubes. Em 12 minutos, os Diabos Vermelhos já estavam ganhando por 2 a 0. O primeiro gol saiu aos quatro minutos. Ashley Young recebeu pela direita e cruzou para Van Persie, que soltou a bomba. A bola bateu na trave, nas costas de David Luiz e morreu no fundo da rede.

Oito minutos depois, o United aproveitou um novo contra-ataque para ampliar o marcador. Valencia recebeu pela direita e cruzou novamente para Van Persie. A zaga do Chelsea bobeou, e o holandês apareceu entre os defensores para finalizar de primeira e marcar mais um. Os Blues acusaram o golpe e tiveram dificuldades para se reencontrar na partida.

Os donos da casa só se reencontraram mesmo a partir dos 24 minutos da etapa inicial. Aos 35, quase o primeiro do Chelsea. Obi Mikel avançou pela direita e cruzou. Evans tentou cortar e chutou contra o próprio gol, acertando a trave de um batido De Gea. O arqueiro espanhol, por sinal, foi um dos destaques dos Diabos Vermelhos.

Aos 41, o arqueiro operou um milagre em Stamford Bridge. Após bola alçada na área, Fernando Torres subiu mais do que os defensores rivais e testou com força. De Gea saltou e espalmou em cima da linha, evitando o primeiro dos Blues. Dois minutos depois não teve jeito. Rooney fez falta na entrada da área em Hazard. Na cobrança, Mata diminuiu a diferença no placar: 2 a 1.


Com um gol irregular e dois a mais em campo, United derrota o Chelsea

Na volta para a etapa final, o Chelsea retornou com mais ímpeto e chegou logo ao empate. Aos sete, Mata recebeu lançamento pelo lado direito e cruzou para Torres. A bola foi afastade pela defesa e sobrou para Oscar, que alçou na área para Ramires. O volante subiu mais do que o marcador e testou para deixar tudo igual em Londres.

A partir do gol parecia que o Chelsea tomaria conta do jogo, mas não foi o que aconteceu. Aos 16, Van Persie tirou mais um coelho da cartola. Fez um lindo lançamento para Ashley Young, que ia ficar cara a cara com Cech. Na entrada da área, o inglês foi derrubado por Ivanovic, que acabou expulso, deixando os Blues com um a menos.


Com um gol irregular e dois a mais em campo, United derrota o Chelsea

A situação do Chelsea ficou ainda pior aos 24. Fernando Torres, que já havia recebido o cartão amarelo, foi expulso injustamente por ter simulado uma falta na entrada da área do United. O espanhol havia sido tocado pelo francês Evra. Com dois a mais, os Diabos Vermelhos subiram de produção de chegaram ao terceiro gol aos 29. Porém, com uma ajudinha do banderinha que não assinalou impedimento de Chicharito.

Van Persie recebeu dentro da área e chutou forte de canhota. Cech defendeu, a bola rolou para o gol e o arqueiro se recuperou a tempo de tirar com o pé em cima da linha. Na sobra, Rafael soltou a bomba e Chicharito desviou para marcar o terceiro. Na comemoração, o mexicano provocou os torcedores dos Blues, que atiraram objetos no gramado.

A derrota foi a segunda consecutiva do Chelsea em cinco dias. Na última terça-feira, os Blues foram derrotados pelo Shakhtar Donetsk, pela Liga dos Campeões. Pela mesma competição, o United bateu o Braga, de virada, por 3 a 2. Na competição caseira, a partir de agora, apenas um ponto separa os dois rivais.

Fonte: GloboEsporte.com