Considerada Joia da ginástica, Flávia Saraiva ganha dois ouros

. A brasileira obteve nota 13,850 e a rival fez 13,400.

Flávia Saraiva, de apenas 16 anos e considerada uma das joias da ginástica artística brasileira, conquistou neste domingo duas medalhas de ouro na etapa de Baku (AZE) da Copa do Mundo. Ela ficou com o título na trave e no solo. Não bastasse isso, ainda conquistou o bronze nas barras paralelas assimétricas.

Em sua apresentação na trave, a jovem obteve nota 14,800 e superou com folgas a segunda colocada, a sueca Emma Larsson, que fez 13.650. O bronze foi de Elisa Haemmerle, da Áustria, com 13,350.

No solo, a disputa de Flávia com a sueca foi muito mais acirrada. A brasileira obteve nota 13,850 e a rival fez 13,400. O bronze foi de Marina Nekrasova, do Azerbaijão, com 13,200.

A outra medalha da jovem veio em uma prova na qual mais uma brasileira subiu ao pódio. Nas barras paralelas assimétricas, Flávia obteve o terceiro lugar, enquanto Daniele Hypolito ficou com a prata. O título foi da alemã Lina Philipp.

A competição serviu como preparação para o evento-teste da Olimpíada, que será realizado entre 16 e 22 de abril, no Rio de Janeiro. Na competição, a seleção feminina tentará garantir a sua vaga nos Jogos.

Flávia Saraiva (Crédito: Divulgação)
Flávia Saraiva (Crédito: Divulgação)



Fonte: Com informações do Uol