Corinthians domina no Pacaembu, bate Santos e leva vantagem à Vila; 2 a 1

Corinthians domina no Pacaembu, bate Santos e leva vantagem à Vila; 2 a 1

Os dois rivais voltam a se encarar no próximo domingo

O Corinthians voltou a jogar bem neste domingo justamente quando mais precisava. Contra o Santos, pelo duelo de ida da decisão do Campeonato Paulista, a equipe do Parque São Jorge poderia até ter goleado, mas desperdiçou diversas chances. E, quando conseguiu abrir dois gols, levou um no fim, com Durval, mas venceu por 2 a 1 e levou vantagem para o jogo de volta.

Os dois rivais voltam a se encarar no próximo domingo, quando o Santos terá a chance de reverter o placar adverso na Vila Belmiro. Entretanto, o time praiano terá que vencer por dois gols de diferença para conquistar o tão sonhado tetracampeonato. Um triunfo santista por um tento leva a decisão do campeão para os pênaltis.

O primeiro tempo no Pacaembu foi totalmente corintiano. O Santos, apático, não conseguia sequer passar da linha do meio de campo e apenas observava a equipe de Tite deitar e rolar com a posse de bola. Após chances perdidas com Paulinho e Romarinho, o clube do Parque São Jorge abriu o placar a três minutos do fim do primeiro tempo.

No lance, Romarinho cobrou falta pelo lado direito do ataque nos pés de Danilo, que desperdiçou o domínio, mas deixou para Paulinho, livre de marcação, apenas empurrar para as redes e tirar o zero do marcador. O 1 a 0, aliás, estava barato para o clube praiano, que parecia travado com três volantes em campo.

O mesmo Paulinho quase ampliou no lance seguinte. Em jogada iniciada no meio de campo. O camisa 8 deu um chapéu em Marcos Assunção e iniciou jogada que, segundos depois, voltou para ele. O meio-campista dominou no peito e deu lindo chute de fora da área no travessão, que ainda contou com Guerrero perdendo rebote completamente só na área santista.

O Santos melhorou de rendimento na etapa complementar e até poderia ter empatado. Entretanto, André perdeu uma chance, Cícero chutou outra na trave e o Corinthians cresceu de novo. Com Paulinho, o time da casa quase ampliou, mas só o fez mesmo no fim, quando Paulo André aproveitou bate e rebate na área após escanteio e completou para as redes.

Entretanto, quando tudo se encaminhava mesmo para a vitória corintiana por dois gols de diferença, o Santos conseguiu diminuir em cabeçada de Durval e vai para a Vila Belmiro com esperanças maiores de reverter a derrota. Os dois times voltam a se encontrar daqui a sete dias, em Santos.

Fonte: Terra, www.terra.com.br