Corinthians é o clube mais transparente do Brasil, diz estudo

Corinthians é o clube mais transparente do Brasil, diz estudo

Os 32 clubes mais populares do país foram analizados. Santos, Fluminense e Palmeiras ocuparam as primeiras colocações

O Corinthians é o clube de futebol mais transparente do Brasil, de acordo com estudo realizado pela consultoria Pluri.

No ranking elaborado pela empresa, que analisou os 32 clubes mais populares do país, Santos, Fluminense e Palmeiras ocupam as primeiras colocações.

Por outro lado, São Paulo (9º), Grêmio (10º), Internacional (14º), Flamengo (15º), Cruzeiro (16º) e Atlético Mineiro (18º) apresentaram um desempenho baixo.

Empatados na penúltima colocação estão Bahia, Guarani, Paysandu e Vila Nova. Isolado na rabeira, o Ceará.

A consultoria levou em conta se o balanço está disponível e se é fácil de ser encontrado no site do clube, há quantos anos são divulgados os balanços e com qual periodicidade.

São acumulados pontos se outras informações como estatuto, organograma, orçamento vigente, relatório anual e política de governança são publicadas.

A consultoria afirma que os clubes vêm melhorando gradualmente no quesito transparência, mas o nível geral ainda é baixo e muitos não divulgam seus balanços.

O levantamento concluiu que apenas Fluminense e Corinthians publicam relatórios anuais. De todos os analisados, apenas o clube do Tatuapé divulga o orçamento para o ano seguinte.

Se o Corinthians no geral é o mais transparente, o que traz o balanço explicado de forma mais clara é o São Paulo, o Palmeiras, com balanços mensais, é o que divulga as informações com maior frequência e o Santos é o que disponibiliza maior número de balanços de outros anos para consulta em seu site.

A Pluri diz que o estudo indica que alguns clubes percebem mais rapidamente que outros os benefícios de uma maior transparência, levando a um relacionamento mais próximo com patrocinadores e investidores.

Mas outros mantêm uma ?postura de caixa-preta?, o que reduz sua credibilidade e prejudica a instituição ao afastar possíveis patrocinadores.

A consultoria diz ainda que a falta de transparência é comum em clubes de futebol de diversos países, sendo os alemães e ingleses os exemplos a serem seguidos.



Fonte: UOL