Corinthians perde para o Grêmio Prudente e pode sair do G-4

A equipe de Mano Menezes se manteve com 26 pontos e pode ser ultrapassada pelo Botafogo

Mesmo com um time repleto de reservas, o Corinthians dominou a partida deste domingo contra o Grêmio Prudente, no Estádio Prudentão. Porém, as inúmeras chances criadas - sobretudo no segundo tempo - não foram suficientes para que o time saísse com a vitória. Os anfitriões resistiram à pressão corintiana e venceram por 2 a 0, com gols de Robson, ameaçando a continuidade dos alvinegros no G-4.

A equipe do técnico Mano Menezes se manteve com 26 pontos e pode ser ultrapassada pelo Botafogo ainda nesta rodada. O clube de Ribeirão Preto tem um ponto a menos e enfrenta o Paulista, em Jundiaí, às 19h30.

O jogo começou com Roberto Carlos arriscando chute de longe logo aos 6min, mas ficou bastante amarrado no início, com as duas equipes marcando forte no meio de campo. Aos 15min, o Corinthians voltou a chegar, com Edu chutando da meia esquerda, para fora. Pouco depois, Jorge Henrique ganhou dividida no meio, avançou e chutou rasteiro, para ótima defesa do goleiro Márcio.



Aos 30min, foi a vez do Prudente ameaçar. Wesley achou Flavinho na área e o zagueiro Paulo André cabeceou contra a própria meta, mas a bola saiu rente à trave. Dois minutos depois, o experiente Marcos Assunção levantou na área em cobrança de escanteio e Paulão escorou à direita de Júlio César, que substituiu Felipe no gol corintiano.

A equipe da capital melhorou e começou a criar boas oportunidades de marcar. Aos 35min, Tcheco bateu escanteio e Danilo cabeceou no travessão. Pouco depois, o mesmo Danilo cruzou e Souza acertou uma bela bicicleta, mas mandou a bola por cima do gol de Márcio, com perigo.

A segunda etapa começou sem alterações, mas com muita movimentação. Logo no primeiro minuto, Marcos Assunção bateu falta por cima do gol. Pouco depois, Jorge Henrique chutou para defesa tranquila de Márcio; em seguida, Flavinho finalizou do bico da área e Júlio César espalmou pela lateral.

Aos 4min, Jorge Henrique pegou rebote da zaga, mas chutou em cima do goleiro. Depois foi a vez de Roberto Carlos cruzar da esquerda, mandar a bola em direção ao gol e Márcio espalmar no travessão. O lance se repetiu aos 8min, com o camisa 1 do Prudente se atrapalhando e a bola novamente batendo no poste superior.

Robson entrou no lugar de Wesley aos 10min, e deixou sua marca somente oito minutos depois. Após bola alçada da esquerda por Marcos Assunção, ele ganhou de Leandro Castán no alto e cabeceou no canto esquerdo de Júlio César para abrir o placar no Prudentão. Os corintianos reclamaram de uma falta em cima do zagueiro no lance.

Dentinho, que havia entrado no lugar de Danilo, apareceu aos 24min e quase empatou. Tcheco cobrou falta da meia direita e o atacante apareceu sozinho na segunda trave, mas cabeceou na rede pelo lado de fora. O Corinthians era melhor no jogo, mas errava muito nas finalizações: pouco depois, foi Elias - que entrara no lugar de Edu - quem pegou sobra na área e chutou por cima da meta.

O Corinthians continuou sufocando, com o Prudente fechado no campo de defesa e tentando sair no contragolpe. Aos 38min, Iarley tocou para Dentinho, que pegou de primeira, mas o zagueiro Leonardo salvou em cima da linha o que seria o gol de empate. No minuto seguinte, Paulo André cabeceou firme em cobrança de escanteio e Márcio fez outra grande defesa.

Se o goleiro da equipe interiorana brilhava, foi numa falha de Júlio César que o time da casa chegou ao segundo gol. Já nos acréscimos, aos 49min, Marcos Assunção bateu falta e o camisa 22 soltou bola fácil para o lado. Henrique Dias pegou o rebote, cruzou para o meio e Robson cabeceou para a rede, definindo o placar.

FICHA TÉCNICA

Grêmio Prudente 2 x 0 Corinthians

Gols

Grêmio Prudente: Robson, aos 18min e aos 49min do 2º tempo

Ponto Forte do Grêmio Prudente

Grande resistência à pressão corintiana, sobretudo no segundo tempo

Ponto Forte do Corinthians

Maior volume de jogo e criação de chances de gol

Ponto Fraco do Grêmio Prudente

Pouca força no meio de campo, onde o Corinthians dominou as ações

Ponto Fraco do Corinthians

Excesso de erros de finalização, apesar das oportunidades de empatar

Personagem do jogo

Robson, que saiu do banco e marcou seus dois primeiros gols no Paulista

Esquema Tático do Grêmio Prudente

4-4-2

Márcio; Paulo César (Sasha), Paulão, Leonardo e Diego; Dênis, Marcos Assunção, João Vítor e Wesley (Robson); Flavinho (Henrique Dias) e Tadeu. Técnico: Toninho Cecílio

Esquema Tático do Corinthians

4-4-2

Júlio César; Moacir, Paulo André, Leandro Castán e Roberto Carlos; Ralf, Edu (Elias), Tcheco e Danilo (Dentinho); Jorge Henrique (Iarley) e Souza. Técnico: Mano Menezes

Cartões amarelos

Grêmio Prudente: Flavinho, Tadeu, Paulo César e Marcos Assunção

Árbitro

Rodrigo Martins Cintra

Local

Estádio Prudentão, Presidente Prudente (SP)

Fonte: Terra, www.terra.com.br