Coritiba bate São Paulo e vai de novo para final da Copa do Brasil

Coritiba bate São Paulo e vai de novo para final da Copa do Brasil

A vitória do Coritiba saiu por meio da bola área

Pelo segundo ano consecutivo o Coritiba está na final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, no Couto Pereira, a equipe da casa derrotou o São Paulo por 2 a 0, resultado suficiente para a classificação uma vez que o jogo disputado no Morumbi terminou com triunfo paulista por 1 a 0. Agora a equipe paranaense mira seu primeiro título de Copa do Brasil em sua história, já que em 2011 o Vasco da Gama deixou Curitiba com a taça. Para o São Paulo fica a tristeza de não chegar também à sua segunda decisão: em 2000, o Cruzeiro saiu campeão.

A vitória do Coritiba saiu por meio da bola área. Emerson e Éverton Ribeiro fizeram os gols da noite a partir de lançamentos na área e consequentes erros de posicionamento da zaga são-paulina formada por Rhodolfo e Edson Silva - que bateram cabeça durante todo o jogo.

O adversário do Coritiba na final da Copa do Brasil sai do duelo entre Palmeiras e Grêmio, que se enfrentam na Arena Barueri na quinta-feira, a partir das 21h. O primeiro jogo, disputado no Olímpico, terminou com triunfo paulista por 2 a 0, com gols obtidos no fim da partida.

As duas equipes vieram à partida com mudanças em relação às escalações da partida do Morumbi. Leão surpreendeu e lançou o jovem Rodrigo Caio na lateral direita no lugar de Douglas, com a intenção de reforçar a marcação. Já o Coritiba teve o retorno de Rafinha, recuperado de lesão no tornozelo direito.

O jogo

O jogo teve um início de muita marcação e pouca criação. Ambas as equipes buscavam apertar a saída de bola adversária, tarefa realizada com sucesso. As raras oportunidades ofensivas saíam a partir de bolas enfiadas e jogadas individuais. Foi o caso aos 14min, quando Lucas arrancou pela direta e foi derrubado perto da área por Lucas Mendes. Casemiro foi para a cobrança da falta, mas chutou longe do gol.

Lucas novamente criou perigo aos 24min, quando invadiu a área, driblou dois marcadores e finalizou rente à trave esquerda do goleiro Vanderlei. A ponta direita era o lugar favorito do São Paulo para tramar seu ataque aproveitando as costas de Ayrton. Já o Coritiba contava com o poder de criação de Rafinha.

Apesar do volume de jogo ser maior do lado visitante, foi o time da casa que abriu o placar. Aos 28min, Emerson aproveitou bola cruzada, subiu entre Rhodolfo e Edson Silva e desviou de cabeça ao fundo das redes. O São Paulo ficou perto de empatar cinco minutos depois em bola parada, mas o desvio foi pela linha de fundo.

O time paulista seguiu ao ataque e por pouco não conseguiu seu gol. Aos 37min, após erro na saída de bola do Coritiba, Luís Fabiano foi lançado ao ataque e finalizou em cima da marcação. No rebote, Lucas chutou cruzado e mandou a bola perto da trave direita.

Segundo tempo

O jogo voltou do intervalo com o São Paulo disposto a buscar o empate cedo. A equipe tricolor, porém, esbarrava nos erros de passe, que minavam a criação visitante. A melhor chance até então surgiu em falta cobrada por Jadson aos 14min, que Vanderlei precisou espalmar para fora.

Se o São Paulo não marcava, o Coritiba sabia aproveitar suas chances. Aos 16min, Roberto cruzou bola na área, novamente Rhodolfo e Edson Silva estavam mal posicionados e Éverton Ribeiro completou para o fundo das redes. Três minutos depois, o time da casa ficou muito próximo de ampliar em contra-ataque cinco contra um, mas o solitário Cortez conseguiu cortar a finalização.

Precisando de um gol para a classificação, Leão promoveu duas mudanças: Jadson e Casemiro saíram para as entradas de Fernandinho e Maicon. O São Paulo dava demonstrações de estar nervoso e errava passes de forma seguida. Aos 26min, Luís Fabiano ficou muito perto de marcar em cobrança de falta, mas Vanderlei espalmou no ângulo.

A partida tornou-se o confronto entre um São Paulo que pressionava e um Coritiba que buscava o contra-ataque. As melhores chances tricolores eram com Lucas, que em jogada individual aos 30min chutou forte para a defesa de Vanderlei. O time da casa seguiu no ataque até o fim, mas não conseguiu o gol de sua classificação.

Ficha técnica

CORITIBA 2 x 0 SÃO PAULO

Gols

CORITIBA:

Emerson, aos 28min do 1º tempo, Éverton Ribeiro, aos 16min, e Guilherme, aos 34min do 2º tempo

SÃO PAULO:

Elicarlos, aos 28min, Rogério, aos 39min do 1º tempo, e Eduardo Ramos, aos 18min do 2º tempo

CORITIBA: Vanderlei; Ayrton, Pereira, Emerson e Lucas Mendes; Willian, Sérgio Manoel, Everton Ribeiro (Lincoln) e Rafinha (Rafael Silva); Roberto (Gil) e Everton Costa

Treinador: Marcelo Oliveira

SÃO PAULO: Denis; Rodrigo Caio, Rhodolfo, Edson Silva e Cortez (Willian José); Denilson e Casemiro (Maicon); Lucas, Jadson (Fernandinho) e Cícero; Luís Fabiano

Treinador: Emerson Leão

Cartões amarelos

CORITIBA: Emerson, Lucas Mendes e Sérgio Manoel

SÃO PAULO: Rhodolfo, Denilson, Casemiro, Fernandinho e Lucas

Árbitro

Wilton Pereira Sampaio (GO)

Local

Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Fonte: Terra