Crise no Flamengo faz Botafogo ligar alerta para vencer jogo de domingo

Apesar do clima de confiança, jogadores alvinegros ressaltam importância de respeitar situação do rival, lanterna do Campeonato Brasileiro

Foi notória a melhora do ambiente do Botafogo após a vitória sobre o Coritiba, que deixou a equipe a quatro pontos da zona de rebaixamento e, por isso, mais aliviada. Mas a euforia ainda passa longe de General Severiano, principalmente quando se trata da semana de um clássico contra o Flamengo. E se alguém acha que a confiança é maior por causa da grave crise do rival ? último colocado do Brasileiro, cinco pontos atrás ?, está enganado. Pelo menos no discurso, existe a certeza de que o jogo deste domingo, no Maracanã, reúne elementos que o tornarão ainda mais complicado.

- É sempre bom lembrar que, para uma grande equipe como o Flamengo, um clássico como esse é a grande oportunidade de reverter a situação. É mais um motivo para estarmos ainda mais concentrados, ligados. O jogo é 50% de condições para cada parte. Num clássico, jogar o favoritismo para um lado é transferir responsabilidade. Vai ser uma partida bem disputada pela situação de cada equipe: nós queremos subir na tabela e eles querem se livrar dessa zona incômoda - observou o meia Carlos Alberto, que está recuperado de dores musculares e ficará à disposição de Vagner Mancini.

Bolívar celebrou o fato de que o Botafogo voltou a vencer, mesmo reconhecendo que a equipe não teve uma atuação contra o Coritiba digna de elogios. O zagueiro destacou que o momento do grupo é de confiança renovada, mas ao mesmo tempo deixou claro que o estado para o clássico é de alerta máximo, mesmo com a crise do lado da Gávea.

- O Brasileiro tem 20 equipes de qualidade, então não existe um momento mais sereno ou de tranquilidade. Conseguimos escapar um pouco da zona de baixo, o primeiro objetivo era esse. Mas domingo já tem um clássico. Quando o adversário está numa situação como a do Flamengo, a dificuldade aumenta. Os jogadores estão muito pressionados, então precisamos estar concentrados no domingo - disse.

Fonte: Globo Esporte