Cruzeiro vence Náutico com goleada na Arena PE e dispara na liderança

Cruzeiro vence Náutico com goleada na Arena PE e dispara na liderança

Com o resultado, o clube celeste vai a 59 pontos e mantém 11 de distância do segundo colocado Grêmio

Em confronto que colocou frente a frente o líder e o lanterna do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro interrompeu neste domingo a boa fase do Náutico na Série A ? a equipe do Recife não perdia há quatro jogos e esboçava uma reação. Sob um bom público na Arena Pernambuco, o time mineiro venceu o adversário por 4 a 1 pela 26ª rodada, manteve a diferença de pontos para o vice-líder do torneio e aumentou para 12 o número de jogos sem perder no Brasileiro.

Com o resultado, o clube celeste vai a 59 pontos e mantém 11 de distância do segundo colocado Grêmio. Já a equipe alvirrubra continua com 17 pontos, em último. Na próxima rodada, o Náutico tem duelo em casa contra o Botafogo, na quarta, às 21h50 (de Brasília), enquanto no mesmo dia e horário o Cruzeiro recebe o ameaçado São Paulo no Mineirão.

O duelo na Arena Pernambuco começou equilibrado, mas o líder do campeonato conseguiu sair na frente em uma cobrança de escanteio logo aos 9min. Ricardo Goulart apareceu sozinho de cabeça em falha de marcação do Náutico para deixar os mineiros na frente. Os pernambucanos quase empataram em cobrança de falta aos 13min, mas Fábio, em excelente fase, voou no ângulo para defender.

Em jogo aberto, ambas as equipes chegavam com facilidade à área adversária, mas pecavam no último toque. Aos 28min, no entanto, não teve jeito: Maikon Leite recebeu excelente passe de Peña e tocou com categoria na saída do goleiro cruzeirense. O time pernambucano cresceu no jogo com o gol e pressionou o líder até o intervalo, mas não conseguiu tirar a igualdade do placar.

Após ser dominado na etapa inicial, o Cruzeiro voltou mais ligado no segundo tempo e conseguiu matar o jogo em dois lances: aos 7min, Éverton Ribeiro iniciou contra-ataque e tabelou com Ricardo Goulart, que fez seu segundo na partida; aos 13min, Willian sofreu pênalti cobrado por Éverton Ribeiro, que viu a bola passar entre os braços de Ricardo Berna.

A situação ficou ainda mais complicada para os mandantes aos 31min, quando Mayke saiu na cara de Berna e finalizou cruzado para ampliar. Sem poder de reação, o time pernambucano viu sua torcida deixar o estádio antes do fim do jogo, decepcionada com o resultado e triste com a proximidade cada vez maior do rebaixamento à Série B.

Fonte: Terra