Cruzeiro domina Flamengo, mas fica no empate em jogo de campeões no brasileirão

Cruzeiro domina Flamengo, mas fica no empate em jogo de campeões no brasileirão

O resultado tinha pouca importância, já que nenhuma equipe brigava por algo no Campeonato Brasileiro.

O campeão brasileiro de 2013 foi superior ao campeão da Copa do Brasil, neste sábado, no Estádio do Maracanã. Apesar de começar com apenas um titular em campo, o Cruzeiro dominou o Flamengo, criou inúmeras chances de gol, mas perdeu quase todas e ficou no empate por 1 a 1.

O resultado tinha pouca importância, já que nenhuma equipe brigava por algo no Campeonato Brasileiro. Mas o time celeste perde a chance de ter a melhor campanha dos pontos corridos, desde que a competição passou a ter 20 times - a marca pertence ao São Paulo de 2006, que teve dois pontos a mais.

O jogo foi ruim para o Flamengo, mas Paulinho tratou de "incendiar" a torcida no início. Aos 5min e aos 9min, ele fez belas jogadas e chegou perto do gol, mas Everton tirou a bola em cima da linha em um dos lances. Contra um Cruzeiro apático, o Flamengo continuou a explorar bem as laterais e assim conseguiu o gol inicial: após cruzamento de Nixon pela direita, Hernane cabeceou no canto e balançou a rede mais uma vez no Maracanã.

O gol fez piorar o Flamengo, que ainda perdeu o destaque Paulinho por lesão. Aconteceu então uma série de chances de gol perdidas pelo Cruzeiro: aos 24min, Luan ficou de frente para o gol, mas o jovem César fez boa defesa. Aos 27min, Mayke puxou um bom contra-ataque, mas Vinicius Araujo cabeceou para fora. E ainda houve uma sobra de bola em que Léo carimbou a trave com força.

Com mais emoção, o jogo passou a ter mais rivalidade, o que gerou a expulsão de Everton e Carlos Eduardo aos 37min. Mesmo com isso, o Cruzeiro continuou melhor e voltou a parar na trave: mais uma vez Mayke puxou uma bonita tabela, dominou a bola na área e finalizou por cobertura, mas acertou o poste.

O primeiro tempo terminou mesmo 1 a 0 para o Flamengo, mas o Cruzeiro continuou a pressionar depois do intervalo: aos 9min, Luan fez uma bonita finalização na área, de primeira, mas mandou a bola para longe. E a pressão só deu resultado mesmo aos 18min: Souza aplicou dois dribles e depois chutou a bola bem colocada para fazer um golaço.

O gol abalou o Flamengo, que continuou perdido em campo. O Cruzeiro poderia até ter goleado, já que continuou a criar chances de gol facilmente. Luan acertou a trave aos 24min. César teve que fazer incrível defesa após falta cobrada por Júlio Baptista aos 27. A partida só esfriou nos quinze minutos finais, quando os dois times passaram a aceitar o empate e tocaram a bola com pouca agressividade.

Fonte: Terra