Cruzeiro vence lanterna Náutico no Mineirão e entra no G-4 do Brasileiro: 3 a 0

Cruzeiro vence lanterna Náutico no Mineirão e entra no G-4 do Brasileiro: 3 a 0

Mesmo com a vantagem de dois gols, o Cruzeiro continuou com mais chances contra o time pernambucano

O Cruzeiro não teve dificuldades para vencer o Náutico, neste domingo, no Mineirão, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe de Belo Horizonte aproveitou a grande superioridade técnica para bater o time pernambucano por 3 a 0, resultado que leva o clube ao G-4 da competição nacional.

Com a vitória, o Cruzeiro sobe para 12 pontos, em quarto. Já o Náutico continua na lanterna, com apenas quatro pontos ganhos. Na próxima rodada, o time mineiro visita o São Paulo, no sábado, às 18h30 (de Brasília), enquanto a equipe pernambucana vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Botafogo, no mesmo dia, às 21h.

Mandante, o Cruzeiro começou o duelo contra o Naútico com domínio sobre as ações ofensivas e não demorou para anotar o primeiro gol. Aos 9min, Ricardo Goulart recebeu cruzamento de Lucca e só escorou para abrir o placar a favor do time mineiro. Ofensivo e aproveitando a fragilidade do adversário desta noite, o Cruzeiro teve seguidas chances de aumentar na etapa inicial, mas saiu de campo com a vantagem de apenas um gol.

Atrás no placar, o Náutico voltou para a etapa final com a intenção de igualar na raça a qualidade técnica superior do adversário. Aos 2min, a equipe pernambucana quase conseguiu o empate, em bom lance de Derley, que chutou em cima da zaga cruzeirense. Entretanto, a superioridade técnica do Cruzeiro foi vital para os mineiros aumentarem aos 8min, com Vinícius Araújo, que aproveitou sobra para fuzilar a rede de Ricardo Berna.

Mesmo com a vantagem de dois gols, o Cruzeiro continuou com mais chances contra o time pernambucano. Entregue, o Náutico não conseguia controlar o ataque cruzeirense e via o adversário perder gols. O terceiro gol do time mineiro veio após lance de raça de Ricardo Goulart pela esquerda. O meia-atacante ganhou o lance e cruzou para Vinícius Araújo só tocar para o gol.

Já com três gols atrás no placar, Ricardo Berna passou a se destacar pelo Náutico, com defesas que evitaram uma vitória ainda mais dilatada para a equipe de Belo Horizonte.

Fonte: Terra