Cuca não resiste a sequência ruim e é demitido do Flamengo

Vice de futebol, Kléber Leite dá coletiva para explicar a saída do treinador do Flamengo

Cuca não é mais treinador do Flamengo. Apesar da tentativa de ocultar a demissão, a diretoria do clube anunciou a mudança no comando nesta quinta-feira, por conta dos quatro jogos sem vencer da equipe no Campeonato Brasileiro. O último fracasso foi diante do Barueri, no empate em 1 a 1, no Maracanã.

Cuca esteve na Gávea nesta quinta-feira no horário programado, mas não vestiu o uniforme do clube e, ao lado do vice-presidente de futebol, Kléber Leite, concedeu entrevista coletiva para a explicar sua saída. O cartola, na verdade, preferiu tratar a decisão como "conjunta".

- Decidimos que o Flamengo tem de ficar em primeiro lugar, e o melhor é interromper esse trabalho com esse profissional que muito nos honrou em tê-lo por aqui. Cuca é uma das melhores pessoas com quem trabalhei no futebol. Flamengo tinha amplas possibilidade de seguir bem no Brasileiro, mas tomamos esta decisão - disse Kléber Leite.

Como detalhe, o dirigente rubro-negro e Cuca jantaram juntos na noite de quarta-feira, após o jogo. O técnico chegou à Gávea em janeiro para a disputa do Campeonato Carioca, venceu 19 vezes, empatou outras 13 e perdeu sete. Esta foi sua segunda passagem pelo clube, e a que lhe garantiu o único título da carreira até aqui: o Estadual. A outra fora em 2005.

Fonte: lancenet