Daiane se mostra satisfeita com punição

Ginasta comemorou cinco meses de suspensão: "poderia ser bem pior"

Os cinco meses de suspensão que a Federação Internacional de Ginástica (FIG) impôs à Daiane dos Santos agradaram à ginasta.

- Considerou muito bom o tempo de punição. A FIG foi justa porque eu errei ao não saber que a substância estava na lista de doping. Foi muito positivo.

A felicidade de Daiane tem um motivo específico. O Comitê Olímpico Internacional (COI) veta a participação de atletas suspensos por seis meses ou mais dos próximos jogos olímpicos . Se a pena fosse um pouco maior, a brasileira ficaria de fora das Olimpíadas de Londres, em 2012.

- Vou usar esses cinco meses para treinar e me preparar para o Mundial de Amsterdã, em outubro. Mas minha maior meta continua sendo a Olimpíada de 2012. É para isso que eu vou me prepar. Fiz até uma cirurgia com o objetivo de disputar os Jogos Olímpicos.

No entanto, para disputar o Mundial de Amsterdã, Daiane precisa ser chamada para a seleção brasileira. Ela não pode passar por nenhuma seletiva enquanto estiver suspensa, mas pode pedir uma avaliação individual à Confederação Brasileira quando estiver liberada.

A ginasta eximiu a entidade de culpa por seu doping. Na teoria, a Confederação Brasileira de Ginástica deveria ter avisado a FIG de que Daiane não poderia passar por exames antidoping, pois se recuperava de uma cirurgia.

- Não foi culpa de ninguém, foi uma sucessão de erros. Tudo até que acabou bem, poderia ter acabado bem pior.

Fonte: R7, www.r7.com