De camisa roxa, Corinthians joga mal e fica no empate com Brasiliense em Taguatinga

Marcinho marcou para os donos da casa no início do segundo tempo

Mesmo sem jogar bem, o Corinthians deu mais um passo para garantir com anteced?ncia o retorno ? elite do Campeonato Brasileiro. Em noite de pouca inspira??o com a camisa roxa, o Tim?o arrancou um empate por 1 a 1 com vice-lanterna Brasiliense, na Boca do Jacar?, em Taguatinga, e n?o conseguiu chegar ? s?tima vit?ria consecutiva na S?rie B. Marcinho marcou para os donos da casa no in?cio do segundo tempo, enquanto Elias empatou logo em seguida para os paulistas.

Com o ponto obtido no Distrito Federal, o time dirigido pelo t?cnico Mano Menezes chega a 55 e continua com muita folga na lideran?a, agora tendo oito pontos a mais que o segundo colocado, o Vila Nova. J? o Jacar? chega a 24, mas segue na pen?ltima coloca??o, ainda bastante amea?ado pelo rebaixamento para a S?rie C em 2009.

O Corinthians volta a campo no pr?ximo para enfrentar a Ponte Preta, ?s 16h, no Pacaembu, em S?o Paulo. O Brasiliense joga no mesmo dia e hor?rio. A equipe faz o cl?ssico do Distrito Federal contra o Gama, novamente na Boca do Jacar?, em Taguatinga.

Com muito pouco poder ofensivo, Brasiliense e Corinthians fizeram um primeiro tempo sonolento e de poucas oportunidades de gols. Enquanto os donos da casa sofriam por ter apenas Leandro Neto no ataque, o Tim?o n?o conseguiu ter o mesmo rendimento ofensivo com a aus?ncia de seu ?c?rebro?, Douglas, suspenso. Diogo Rinc?n, ainda sem ritmo de jogo, pouco produziu ao lado de Lulinha.

Com esse problema, o Corinthians dependeu muito das jogadas individuais e da aproxima??o do volante Elias. E foi dele a primeira boa chance, logo aos dois minutos. Ele aproveitou uma sa?da de bola errada e, da entrada da ?rea, bateu com perigo ? esquerda do goleiro Guto. Aos dez, foi a vez de Herrera, artilheiro da equipe na Segundona, com nove gols. Andr? Santos cruzou, mas o argentino desperdi?ou ao n?o alcan?ar de cabe?a.

Assim como o Tim?o, o Brasiliense precisou contar com a aproxima??o de um defensor para criar algum lance de gol. Pela direita, o lateral Patrick surgiu como a principal op??o de ataque, quase marcando aos 26. Ele arriscou de fora da ?rea, a bola bateu no gramado e quase enganou o goleiro Felipe, que espalmou no susto para fora.

Nos minutos finais, o Corinthians abandonou um pouco a postura defensiva e por muito pouco n?o marcou. Aos 37, Andr? Santos bateu falta pela esquerda e Chic?o cabeceou com perigo para fora na segunda trave. Quatro minutos mais tarde, novamente Elias. O volante arriscou de fora da ?rea e Guto fez boa defesa no canto esquerdo baixo.

Fonte: Globo Esporte