Destaque do basquete diz que próprio time a ameaçou por ser gay

Estrela dos EUA foi ameaçada pelo próprio clube por assumir ser gay

Uma das principais estrelas do time feminino de basquete dos Estados Unidos, Angel McCoughtry não foge de assuntos nem deixa de dar sua opinião quando acha necessária. No Rio de Janeiro para os Jogos, a ala da seleção norte-americana comentou uma polêmica do último ano envolvendo sua vida pessoal.

Durante as férias da WNBA, muitas jogadoras da liga atuam por clubes de outros países em busca de renda e ritmo de jogo. McGoughtry fez isso com o Fenerbahçe, da Turquia, entre 2011 e 2015. Em abril do último ano, a ala anunciou nas redes sociais sua homossexualidade e postou uma foto com sua noiva. Sem alarde, o clube turco tentou convencer a jogar de tirar a imagem das redes sociais.

Image title

Sim, nós fomos discriminadas! Nós perdemos amigos! Familiares estão decepcionados! Eles disseram que desonrei minha religião! O que eu sei é que o AMOR é um ótimo sentimento! Meu último time na Europa ameaçou meu emprego se eu não escrevesse uma carta falsa nas redes sociais dizendo que meu relacionamento era uma mentira. Mas tudo que eu sei é que o amor é um ótimo sentimento. Eu entendo que todos julgamos e isso é a natureza humana, mas quando mais eu falo com Deus eu nunca sinto descriminação do homem lá em cima, mesmo que ele tenha o poder para tal. Ele me diz para cair, aprender e crescer porque essa é a vida. Mas para sempre manter meu coração puro e acreditar totalmente nele. Tudo que sei é que amor é um ótimo sentimento e DEUS é amor", escreveu a jogadora

Fonte: Com informações da UOL