Diego Souza brilha e garante vitória do Vasco que segue 100%

Diego Souza brilha e garante vitória do Vasco que segue 100%

O jogo não foi bom para o Vasco no início

Novo uniforme, mas mesmo resultado: na estreia da sua terceira camiseta, toda azul, o Vasco conquistou sua quarta vitória no quarto jogo do Campeonato Carioca. Neste domingo, o time bateu o Friburguense por 2 a 0, alcançou os 12 pontos na competição e segue como líder isolado do Grupo B.

O jogo não foi bom para o Vasco no início. Com uma marcação forte e bons contra-ataques, o Friburguense foi bem até os 20min. Mas a parada para hidratação fez bem para os vascaínos, que contaram com um gol de Diego Souza no final da etapa.

O segundo tempo teve pressão do Vasco desde os minutos iniciais. Aos 14min, Diego Souza voltou a balançar as redes e facilitou o jogo pra seu time. O Friburguense não conseguiu mais reagir e o resto da partida foi morno.

O próximo jogo do Vasco no Campeonato Carioca acontecerá só na quarta-feira do dia 15 de fevereiro, contra o Volta Redonda. Já o Friburguense voltará para campo uma semana antes, no dia 8, diante do Boavista.

O jogo

Um lance que aconteceu com menos de 1min de jogo mostrou bem como foi o início do duelo. Nilton recebeu cartão amarelo por dura entrada Ziquinha e mostrou que o Vasco teria dificuldades contra o Friburguense.

Ao longo dos primeiros 20min, foi isso que aconteceu: o Vasco foi surpreendido e pressionado pelo adversário, que marcou forte e saiu para o contra-ataque. Aos 13min, Jorge Luiz teve grande chance, mas desperdiçou. Depois, aos 16min, Diego Guerra cabeceou sozinho, mas também para fora.

Com o forte calor no Rio de Janeiro, houve parada para hidratação aos 20min e a água fez bem para o Vasco, que conseguiu sua primeira finalização com Alecsandro, aos 24min. Depois disso, o Friburguense ainda assustou, mas aos poucos perdeu sua força.

Então Diego Souza resolveu se tornar o personagem principal do primeiro tempo. Aos 32min, após bom cruzamento de Thiago Feltri, o meia quase conseguiu se antecipar ao goleiro. Mas aos 44min ele não errou: aproveitou cobrança de escanteio pela esquerda e cabeceou bem, fazendo o Vasco ir para o vestiário com vantagem no placar.

Em 2min, dois chutes quase aumentaram a vantagem do Vasco no segundo tempo. Primeiro Juninho cobrou falta perigosa e, logo depois, Nilton arriscou de fora da área, mas a bola só passou perto.

A pressão continuou e o segundo gol saiu aos 14min, quando Juninho deixou Diego Souza cara a cara com o goleiro. O artilheiro do dia teve tranquilidade e só finalizou no canto, após a saída do goleiro.

Depois disso, com o cansaço causado pelo calor, os dois times passaram a jogar com menos velocidade. O Vasco ainda criou duas chances para Diego Souza, mas ele não aumentou sua contagem de gols. Mesmo assim, a vitória vascaína foi garantida de forma tranquila. Ficha técnica

VASCO 2 x 0 FRIBURGUENSE

Gols

VASCO:

Diego Souza, aos 44min do 1º tempo e aos 14min do segundo tempo.

VASCO: Alessandro; Fágner, Dedé, Rodolfo e Thiago Feltri; Nilton, Fellipe Bastos (Eduardo Costa), Allan (Felipe) e Juninho Pernambucano (Bernardo); Diego Souza e Alecsandro

Treinador: Cristóvão Borges

FRIBURGUENSE: Marcos; Sérgio Gomes, Cadão, Diego Guerra e Flavinho; Lucas, Bidu, Jorge Luiz (Marquinhos) e Romulo (Diego Santos); Marcelo e Ziquinha (Ricardinho)

Treinador: Gérson Andreotti

Cartões amarelos

VASCO: Rodolfo, Nilton e Fagner

FRIBURGUENSE: Sérgio Gomes, Lucas e Ziquinha

Árbitro

Grazianni Rocha (RJ)

Local

Estádio São Januário (RJ)

Fonte: Terra