Diego Souza tenta manter boa fase e festeja retorno à Seleção

Acumulando quatro convocações e apenas 45 minutos jogados na altitude de La Paz

De volta à Seleção Brasileira, Diego Souza não poderia chegar mais embalado para o duelo contra a Argentina, na quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), em Belém. Autor de três gols na vitória contra o Cruzeiro, resultado que reafirmou o Vasco como líder do Campeonato Brasileiro no último domingo, o jogador terá a chance de iniciar uma caminhada mais feliz com a camisa verde e amarela.

Acumulando quatro convocações e apenas 45 minutos jogados na altitude de La Paz, em jogo pelas Eliminatórias de 2009 contra a Bolívia, Diego Souza se diz mais preparado para desta vez não deixar mais de ser chamado.


Diego Souza tenta manter boa fase e festeja retorno à Seleção

"Estou mais experiente pelo que aconteceu na minha carreira nos últimos anos. Aquilo ficou no passado. Hoje estou feliz e vivo um grande momento. Vou buscar uma oportunidade para quem sabe voltar mais vezes", disse.

Diego Souza tem motivos para ambicionar ser convocado também para a Seleção completa - contra a Argentina, apenas jogadores que atuam no Brasil foram chamados. Marcando gols com frequência e peça-chave de um Vasco que vive fase encantada, o meia-atacante chega com possibilidades reais de ser aproveitado.

Com a ausência de Renato Abreu, titular no primeiro jogo contra a Argentina, há uma vaga em aberto que Diego Souza pode beliscar, apesar de no Vasco estar atuando mais próximo do ataque. A tendência é que ele dispute com Oscar e Elkeson um lugar ao lado de Neymar, Ronaldinho e provavelmente Fred.

"Sem dúvida vim preparado para jogar, mas não seria surpresa nenhuma ficar no banco. Não teria problemas. Aqui todos são titulares em suas equipes, e o professor Mano vai escolher. Estou em busca da oportunidade. Se for escolhido, vou tentar dar o melhor", disse.

Independente de entrar ou não em campo, Diego Souza diz que um jogo contra a Argentina sempre é especial "Jogar um clássico é sempre importante. Sem dúvida chegou o momento de uma grande vitória em casa", afirmou.

Fonte: Terra, www.terra.com.br