Diretoria liberada a entrada da torcida tricolor na véspera da ""final"" contra o Fluminense

Muricy Ramalho não gosta muito de confraternização em véspera da decisão

A blindagem ao elenco do S?o Paulo diminuiu neste s?bado, v?spera do confronto decisivo contra o Fluminense, domingo, ?s 17h (hor?rio de Bras?lia), no Morumbi. Durante a semana, o t?cnico Muricy Ramalho disse que n?o queria clima de festa no CT s?o-paulino e vetou sa?das de jogadores para participa?es em programas de televis?o e outros eventos. Al?m disso, sugeriu que a diretoria fechasse o local de treinamentos do Tricolor para a entrada de torcedores.

O pedido do treinador, por?m, n?o foi atendido. V?rios torcedores visitaram o CT neste s?bado. Pediram aut?grafos e tiraram fotos com os ?dolos. Alguns jogadores, como Jean, Hernandes e Jorge Wagner, receberam ainda a visita de familiares. Apesar de Muricy n?o curtir muito esse clima de confraterniza??o na v?spera de um jogo decisivo, os jogadores n?o v?em nada de errado.

- Eu acho que ? gratificante receber o apoio dos torcedores e dos familiares. Eles nos d?o todo apoio - comenta o lateral-direito Jo?lson.Muricy Ramalho n?o gosta muito de confraterniza??o em v?spera da decis?o, mas diretoria libera ?ltimo treino para f?s do Tricolor

O S?o Paulo tem 71 pontos, na lideran?a do Brasileir?o, e est? a cinco do Gr?mio. Se vencer nesta pen?ltima rodada, n?o poder? mais ser alcan?ado pelos ga?chos. Se empatar, ter? de torcer por um trope?o dos gremistas diante do Ipatinga para comemorar o t?tulo com anteced?ncia.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com