Dirigente do Grêmio espera definição sobre Ronaldinho até janeiro

Dirigente do Grêmio espera definição sobre Ronaldinho até janeiro

César Cidade Dias mantém otimismo na negociação com o craque do Milan

Agora, é com o Assis. Este é o pensamento predominante entre os dirigentes do Grêmio. Depois de anunciar o acerto com o irmão e empresário de Ronaldinho Gaúcho, o presidente tricolor Paulo Odone torce para que Assis consiga convencer o Milan a liberá-lo. Desta forma, o craque da Seleção Brasileira estaria confirmado no Grêmio, dez anos depois de sair do clube que o revelou.

Na tarde de sábado, em entrevista à Rádio Gaúcha, o assessor de futebol gremista César Cidade Dias falou sobre a negociação. Sem uma previsão do posicionamento dos italianos quanto à reivindicação do Grêmio levada ao Milan por Assis, o dirigente acredita que tudo deve se resolver até 15 de janeiro.

- Não temos nenhuma novidade, ainda. Até 15 de janeiro tudo estará resolvido, a favor ou não - explicou.

Especula-se, entretanto, que o acerto deve ocorrer ainda nesta semana anterior ao final do ano.. Enquanto isso, apesar da indefinição, Dias mantém o otimismo:

- Em uma negociação deste tamanho, com um jogador deste tamanho, é claro que pode acontecer algo negativo, mas estamos muito otimistas de que haverá acerto.

Fonte: g1, www.g1.com.br