Dirigente do Vasco desmente uma possível "virada de mesa"; veja

Paulo Reis desmentiu boatos sobre manobras do Vasco

A última rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo (06), promete fortes emoções. Além de parte da torcida do Fluminense estar pedindo para o time tricolor entregar a partida contra o Figueirense, outra controvérsia surgiu: a possibilidade do clube cruz-maltino se utilizar de meios jurídicos para que equipes de Santa Catarina sejam punidas por escalações irregulares de jogadores.

O vice-presidente jurídico do Vasco, Paulo Reis, desmentiu qualquer chance de o clube estar envolvido em uma virada de mesa para escapar do rebaixamento.

“Não há nada disso. Estamos preocupados é com o jogo contra o Coritiba”, disse.

Image title

Fonte: Esporte Interativo