Dirigente frustra Grêmio e diz que Ronaldinho permanece no Milan

Dirigente frustra Grêmio e diz que Ronaldinho permanece no Milan

Umberto Gandini afirmou que jogador ficará no time italiano até o fim do contrato

O sonho de contar com Ronaldinho Gaúcho já no início da temporada de 2011 não deve se tornar realidade para o Grêmio. Pelo menos é o que afirmou nesta terça-feira (28) Umberto Gandini, diretor do Milan, que disse que o brasileiro permanecerá na equipe italiana, com a qual tem contrato até a metade de 2011, pelo menos "por enquanto".

Segundo Gandini, que está em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, acompanhando um período de treinamentos do Milan antes do retorno das partidas oficiais, o presidente do Milan, Silvio Berlusconi, que também é primeiro-ministro da Itália, demonstrou vontade de que o brasileiro jogue e permaneça no Milan. Com isso, Ronaldinho seria mantido no elenco rossoneri mesmo com as poucas oportunidades que vem recebendo do técnico Massimiliano Allegri na equipe titular.

Além do Grêmio, que agendou reunião com dirigentes do Milan e estava confiante em repatriar o atleta, que foi revelado pelo clube de Porto Alegre, Palmeiras e Flamengo também haviam demonstrado interesse em contratar Ronaldinho para 2011.

Como o clube gaúcho já teria inclusive acertado salários com o jogador, e estaria apenas esperando a liberação do Milan, a transferência do astro, que defendeu o Tricolor Gaúcho entre 1998 e 2001, pode se dar sem custos no segundo semestre de 2011, quando Ronaldinho estaria liberado para negociar novo vínculo.

Fonte: R7, www.r7.com