Dirigentes do Flamengo planejam saída de Ronaldinho, diz jornal

O Flamengo já perdeu a paciência com Ronaldinho.

O Flamengo já perdeu a paciência com Ronaldinho. A provável e precoce eliminação do time na Copa Libertadores pode ser o ponto final entre o meia e o clube. De acordo com a publicação deste sábado do jornal Lance!, a diretoria vai procurar uma forma de "se livrar" do jogador mais caro da história rubro-negra, pelo fato do atleta não dar o retorno esperado dentro e fora de campo. Entretanto, os dirigentes ainda não sabem como vão conseguir tirar um jogador tão caro do elenco, já que uma rescisão unilateral é completamente inviável para os cofres rubro-negros e dificilmente um clube estaria disposto a contratá-lo. Em reunião entre integrantes da diretoria e alguns conselheiros, a presidente Patricia Amorim reconheceu que o momento delicado exige atitudes drásticas.

Segundo a publicação, a expressão utilizada pela mandatária no encontro foi: "o navio está afundando". Um dos fatores fundamentais é que o meia também não tem a influência esperada sob o grupo. Ele se tornou o capitão do time desde que chegou e já bateu de frente com o ex-técnico Vanderlei Luxemburgo (atualmente no Grêmio). A pressão interna para que o Flamengo se livre de Ronaldinho já existe há muito tempo. Porém, desde que o clube passou a pagar 100% do salário do jogador as cobranças ficaram ainda maiores. Sem um retorno financeiro fora de campo e com atuações abaixo do esperado, a oposição também passou a fazer pressão para que o atleta deixe a Gávea. Irmão e empresário de Ronaldinho, Assis ressaltou que ainda o Flamengo não lhe procurou sobre uma possível venda. Em outros momentos, Assis chegou a afirmar que propostas para o seu irmão nunca faltaram. Entretanto, ele sempre deixou claro que a intenção do atleta é seguir no clube.


Dirigentes do Flamengo planejam saída de Ronaldinho, diz jornal

Fonte: Terra