Dois dias de aventura e percursos incríveis marcam Rally do Delta

A competição percorreu vários municípios de Teresina a Luis Correia

Com 560 km de percurso e sendo a prova mais longa da temporada de enduro e rali piauiense, marcada por dois dias de competição, paisagens variadas, percorrendo vários municípios de Teresina até Luís Correia, no litoral piauiense, assim foi o Enduro Rally do Delta, competição organizada pela Radical Produções, que valeu pela 4ª e 5ª etapas do Campeonato Piauiense de Enduro de Regularidade. As disputas também envolveram as modalidades carro 4x4 e UTV e por ser longa com mais de uma etapa e contando com inscrições de todas as modalidades do off road, a prova ganhou também a denominação de Rally Piocerá Séries, pois valeu como uma prévia do que poderá acontecer nos 30 anos do Rally Piocerá, que acontecerá em janeiro.

Participaram 40 competidores, a maioria nas categorias oficiais das motos: Sênior, Júnior, Moto Rally e Novato. Como tem características de contar com pilotos veteranos, o percurso da Moto Rally é sempre diferenciado, com percursos técnicos, porém evitando as famosas serras, que exigem mais da parte física dos competidores e por isso essa categoria seguir as mesmas trilhas dos carros 4x4 e UTV. Algumas partes do percurso relembraram edições passadas do Rally Cerapió dos anos de 1992 e 1996, mas algumas foram descobertas durante o levantamento pelo diretor do evento, Ehrlich Cordão. “Mesclamos um pouco de tudo, trilhas fechadinhas para as motos, com veredinhas, estradinhas de chão, de areia, muitos laços para testar a navegação e deixar os pilotos mais ligados na parte de navegação. Passamos por florestas de babaçuais, onde passaram pilotos de carro e moto rally e teve até uma trilha que mais lembra a Floresta de Sherwood, do filme Robin Hood, que é uma trilha com uma passagem só cercada de árvores e que olhando mais parece um túnel verde, coberto pelas árvores frondosas, já pertinho da cidade de Piripiri”, disse Cordão.

O Enduro Rally do Delta percorreu, além de Teresina, os municípios de Altos, Campo Maior, Cocal de Telha, Capitão de Campos, Piripiri, Piracuruca, Brasileira, Buriti dos Lopes, Parnaíba, até a parada final, no Sesc Praia, em Luís Correia, os campeões subiram ao pódio para a premiação com troféus. Destaque para a forte e competitiva equipe de pilotos de moto de Parnaíba (Parnaíba Team), que levou nove pilotos e tem como nome mais expoente o piloto sênior Fredy Oliveira, que, embora não tenha participado das três etapas iniciais do campeonato piauiense de Enduro, contou com o fator experiência para conquistar ainda o 2º lugar da elite do motociclismo. O campeão foi o piloto Luiz Lobão Filho, que lidera o piauiense na Sênior. Outro piloto sênior que briga pela liderança do campeonato, Lucas Matos, de Teresina, teve alguns problemas no equipamento de navegação e no segundo dia de prova abandonou a prova perto de Buriti dos Lopes, faltando uma hora para o fim da prova, com problemas no sensor do equipamento. Na categoria Júnior, o campeão e líder do Estadual e é piloto de Teresina Tafarel Guimarães. Na categoria Novato, sempre embolada e com menos regularidade entre os líderes, o campeão foi o piloto de Teresina Carlos Pires Rebelo Neto.

Piloto Veterano campeão Moto Rally - Peter Ferreira
Piloto Veterano campeão Moto Rally - Peter Ferreira


Na categoria Moto Rally não tem para ninguém, o líder, mesmo não tendo participado da 3ª etapa, o Enduro do Pau D´Arco, é o veterano Peter Oliveira, que já conta com quase 30 anos como piloto de enduro de regularidade e tem uma vasta galeria de troféus, entre campeão piauiense, campeão de provas abertas, como o tradicional Piocerá e Cerapió. Nessa categoria, um estreante, o professor universitário do curso de Administração Marcos Moraes Filho. “Gostei demais da prova e consegui um bom resultado. Tenho apenas um ano no esporte e comecei por incentivo do piloto Guto e outros do Teresina Trail Clube. Resolvi não entrar na categoria novato porque ainda estou começando a pilotar e navegar e na categoria além de ter pilotos bons, tem trechos mais técnicos e penso em entrar na novato em 2017”, disse.

Nos carros, a dupla de Parnaíba formada pelo piloto Felipe Ferro e pelo navegador Jonathas Carvalho mostrou que a experiência de bons anos de rali conta muito. “Vencemos no primeiro e no segundo dia e estamos satisfeitos. A prova estava bem diversificada e com médias justas, o que a tornou bem atraente do jeito que a gente gosta. A organização está de parabéns”, disse Jonathas. A dupla inscrita na modalidade UTV, Roberto Bandeira e Carlos Albeira, tiveram um pneu traseiro furado ainda no primeiro dia de competição e não conseguiram substituir o pneu a tempo para prosseguirem no restante da prova. O Enduro Rally do Delta teve como parceiros o Sesc – 70 anos, Parnauto, CN Motos, concessionária CM Na Terrabela e Loteamento Cláudio Pacheco. Realização e organização: Radical Produções. Supervisão: Federação de Motociclismo do Piauí - FMP.

RESULTADO DO ENDURO RALLY DO DELTA – 4ª E 5ª ETAPAS DO CAMPEONATO PIAUIENSE DE ENDURO – RALLY PIOCERÁ SÉRIES

MOTO SÊNIOR


1º - Luís Lobão C. Branco Filho
2º - Fredy Oliveira de Carvalho
3º - Lenilson de Freitas Viana
4º - Mario Henrique Fortes Rodrigues
5º - Roberto Santos Ferreira Filho


MOTO JÚNIOR


1º - Tafarel Guimarães
2º - João Bandeira Neto
3º - Gerson Monteiro Moraes
4º - Oscar Tajra Castelo Branco
5º- Alex Marinho Oliveira


MOTO NOVATO


1º - Carlos Pires Rebelo Neto
2º - Marcos Vinicyus Feitosa Santos
3º - Caio Cesar Sales Araújo
4º - Francisco de Sousa Ribeiro
5º - Flávio Costa Albano Ferreira


MOTO RALLY


1º - Peter Ferreira
2º - Lucas Rodrigues Gayoso
3º - Marcos Nunes de Moraes Filho
4º - Armando Pires Gayoso


CARROS 4X4 E UTV


1º - Felipe Ferro e Jonathas Carvalho
2º - Carlos Tetelzin e Álvaro Neto
3º - Arilton Júnior e Landerson Carvalho
4º - Chico Corinto e José Fortes
5º - Roberto Bandeira e Carlos Roberto Almeida (UTV)


Dupla de Teresina Arilton Jr
Dupla de Teresina Arilton Jr


Fonte: Portal MN