Dois torcedores do Flu são indiciados no Rio por ameaça a Fred

Dois torcedores do Flu são indiciados no Rio por ameaça a Fred

O Ministério Público também quer saber se eles violaram o estatuto do torcedor.

Dois torcedores do Fluminense foram indiciados no fim da tarde desta segunda-feira por ameaça ao atacante Fred, na última quinta-feira. O Ministério Público também quer saber se eles violaram o estatuto do torcedor.

Um dos torcedores que prestou depoimento na delegacia do Leblon admitiu que viu Fred e Rafael Moura em um bar, em Ipanema. Mas negou ter perseguido os jogadores pelas ruas da Zona Sul do Rio, na madrugada da última quinta.

O torcedor também afirmou que não fez ameaças a Fred, embora tenha confirmado que postou em uma rede social "enquadramos o 9 na porta da casa dele".

O atacante Fred deixou de jogar as duas últimas partidas do Fluminense no Campeonato Brasileiro(contra o Internacional e América-MG). No sábado, ele deu uma entrevista nas Laranjeiras dizendo que se sente ameaçado por alguns torcedores. O atacante comentou ainda que só decide se continua no clube depois que voltar da Alemanha onde está com a Seleção Brasileira.

O segundo torcedor a prestar depoimento também negou ter perseguido ou ameaçado Fred. Mas declarou que é dono de um carro fiesta preto. Segundo o jogador, um carro com as mesmas características foi atrás dele na última quinta-feira. Ele saiu da delegacia sem falar com jornalistas.

Em 2009, o mesmo torcedor agrediu o jogador Diguinho dentro das Laranjeiras. E na última sexta-feira, foi absolvido em um processo por tentativa de homicídio contra três torcedores do Vasco. O episódio aconteceu em 2004.

Os dois torcedores já estão indiciados pelo crime de ameaça, com pena de até dois anos de prisão. O próximo a ser chamado a depor vai ser o atacante Rafael Moura.

O Ministerio Público do Rio abriu nesta segunda uma investigação contra os dois torcedores. Caso tenham violado o estatuto do torcedor, eles podem ser proibidos de frequentar estádios de futebol.

Fonte: Ego, www.ego.com.br