Dunga lembra da seleção e fala em futebol gaúcho agressivo no Inter

O novo técnico do Inter deixou claro ainda que vai limitar a entrada de pessoas no vestiário do clube

Dunga afirmou em entrevista nesta quarta-feira, pouco após ser oficialmente anunciado como novo treinador do Internacional, que seu principal objetivo é a "responsabilidade de obter resultados".

O técnico lembrou ainda de seu trabalho na seleção brasileira, quando assumiu em 2006 e foi demitido depois da Copa de 2010, na África do Sul. Com o Brasil, foi campeão da Copa América e da Copa das Confederações, e medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008.

"O futebol gaúcho tem uma característica, é agressivo e tem que manter a tradição", disse Dunga, que ganhou a camisa número 8 da direção da equipe colorada. "Tenho pouco tempo de trabalho como treinador, mas sinal que o trabalho na seleção foi reconhecido", completou, se referindo ao fato de ao trabalhar na CBF um dos objetivos era resgatar nos jogadores a vontade de defender o time nacional.

O novo técnico do Inter deixou claro ainda que vai limitar a entrada de pessoas no vestiário do clube. "Quanto menos gente, mais focado no trabalho", afirmou.

O Inter será o primeiro trabalho de Dunga como técnico de um clube e o segundo da carreira. No time gaúcho, ele chega para o lugar de Fernandão, que foi demitido ainda antes do término do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Folha