Em 1927, Fluminense devolveu título por escalar jogador de forma irregular

Diretoria tricolor descobriu erro em escalação e se acusou para a organização do Torneio Início.

O Fluminense escapou do rebaixamento no Campeonato Brasileiro por causa da escalação irregular do jogador Héverton, da Portuguesa, que perdeu quatro pontos. O caso, julgado na última segunda-feira pelo STJD, ainda causa enorme polêmica. Há 86 anos, no entanto, tudo foi mais simples. Após conquistar o título do Torneio Início de 1927, o Tricolor descobriu ter escalado um atleta irregular, acusou-se à organização da competição e ficou sem a conquista. As informações estão no livro "História do Fluminense - 1902-2002", de Paulo Coelho Netto, e são comprovadas por recortes de jornais guardados pelo clube.

O atleta irregular era o atacante Lagarto, que participou da semifinal contra o Botafogo. Somente alguns dias depois do título, os dirigentes do Fluminense perceberam o erro na inscrição e comunicaram à Amea (Associação Metropolitana de Esportes Athleticos). A conquista foi cassada, e o campeonato ficou sem vencedor no ano.


Em 1927, Flu devolveu título por escalar atacante de forma irregular

O Torneio Início era um campeonato tradicional na época e antecedia o Campeonato Carioca, vencido naquele ano pelo Flamengo. Os clubes se enfrentavam em formato eliminatório e, se alguma partida terminasse empatada, o vencedor seria aquele que tivesse mais escanteios a favor. Na campanha, o Fluminense disputou três jogos: venceu o extinto Brasil-RJ por 2 a 0, o Botafogo por 1 a 0 e, na final, bateu o São Cristovão por 2 a 0. O título foi conquistado no campo das Laranjeiras, que era o principal palco de jogos do Rio de Janeiro na ocasião.

Pivô da polêmica no começo do século passado, o atacante Lagarto, gaúcho, atuou entre os anos de 1924 e 1931 no Tricolor carioca. Participou de 98 partidas pelo time, tendo feito 39 gols. Venceu o Carioca de 1924 pelo clube.

O departamento Flu Memória guarda alguns recortes de jornais da época sobre o assunto. O "Jornal do Commercio" do dia 28 de abril de 1927 noticiou o fato. No texto, elogiou o ?gesto de lealdade esportiva? do Fluminense e afirmou que a decisão de anular a competição era a mais correta. ?Foi um verdadeiro erro de direito cometido?, diz a matéria.

Fonte: GloboEsporte