Em dúvida sobre futuro, Ceni diz que seguir atuando "não é coisa simples"

Goleiro ressalta, porém, que, se decidir atuar na temporada 2014, renovação de contrato com o São Paulo será feita tranquilamente

A cada entrevista de Rogério Ceni, o assunto aposentadoria volta à tona. Na Colômbia, não foi diferente. Após o treino de reconhecimento do gramado do estádio Atanásio Girardot, nesta terça-feira, em Medellín, o goleiro disse que a renovação de contrato com o São Paulo não é algo tão fácil de acontecer, mas deixou a possibilidade em aberto. Ele estará em campo nesta quarta, a partir das 21h50, contra o Nacional de Medellín, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana.


Em dúvida sobre futuro, Ceni diz que seguir atuando

? Não tem muito segredo. Já expliquei que não vou jogar em outro time e não tenho interesse em uma transferência. Não peço nunca aumento, não pego luva, dinheiro nenhum. Se acontecer de renovar, o que não é uma coisa simples, fácil...mas, se acontecer de tomar essa decisão em conjunto...vamos ver ? afirmou.

Desde que o técnico Muricy Ramalho abriu a campanha para que Rogério Ceni não se aposente, o tema vem ganhando corpo. A diretoria, depois de um período sem se manifestar, agora já se mostra favorável, mas prefere deixar a decisão para o goleiro.

? No futebol se vive uma vida a cada jogo. A cada vitória todos querem que você fique. Vamos tentar preservar esse número de vitórias. Comigo não há segredo, nem terceiros para falar. Sempre foi diretamente comigo ? ressaltou.

Ceni disse também que os pedidos da torcida para que ele atue na temporada 2014 podem contribuir para que ele permaneça em atividade. A decisão, porém, ficará apenas para depois do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana, em meados de dezembro.

? A torcida é o principal componente do jogo. Qual a graça de jogar com o estádio vazio? É como vocês (jornalistas) jogarem pelada sem ninguém assistindo. Mesmo que você faça gol, ninguém vai notar.

Fonte: GloboEsporte