Em jogo com duas expulsões, Flamengo bate o Figueirense por 2 a 0 e reencontra vitória

Em jogo com duas expulsões, Flamengo bate o Figueirense por 2 a 0 e reencontra vitória

Os três pontos desta rodada colocam o time rubro-negro na 10ª posição, com 19 pontos.

Demorou um pouco, mas o Flamengo conseguiu se reabilitar no Campeonato Brasileiro. A equipe carioca foi até Santa Catarina nesta quarta-feira à noite e venceu o Figueirense, por 2 a 0, pela 15ª rodada do Brasileiro. Com o triunfo, conquistado após cada equipe ter uma expulsão ainda no primeiro tempo, o Flamengo encerrou a série de quatro partidas sem vitórias. Já os dois gols de Vagner Love encerram o jejum de oito partidas sem gols do atacante.

Os três pontos desta rodada colocam o time rubro-negro na 10ª posição, com 19 pontos. O Figueirense, por sua vez, continua na lanterna isolada, com apenas oito. Na próxima rodada, o Flamengo recebe o Náutico, no sábado, às 21h (horário de Brasília), enquanto o clube catarinense visita o Sport, no mesmo dia, às 18h30.

Sem ainda poder contar com o novo contratado Liedson, Dorival Junior fez questão de mudar a equipe para se reencontrar com a vitória. No meio-campo, Renato Abreu recuperou a titularidade, enquanto que Negueba e Thomás ganharam vaga no time titular, mudando a formação do time carioca para o 4-3-3. Outro que voltou ao onze inicial foi o goleiro Felipe.

Sem vencer no Campeonato Brasileiro desde a primeira rodada, o Figueirense foi para campo com pressão da torcida, que pichou os muros do Orlando Scarpelli desde o início da semana. Por isso, o treinador Hélio dos Anjos realizou cinco mudanças no time: nas laterais, Doriva, barrado, e Guilherme Santos, suspenso, deram lugar a Léo e Marquinhos, enquanto que no meio foram três mudanças: saíram Túlio, Guilherme Lazaroni e Pittoni, e entraram João Paulo, Claudinei e Roni.

O jogo

Com uma postura diferente das últimas rodadas, o Flamengo mostrou no primeiro tempo uma atuação mais convincente do que em confrontos recentes. Entretanto, a primeira boa chance foi do Figueirense, que deu trabalho para o goleiro Felipe em chute de Caio. A primeira grande oportunidade do time rubro-negro foi aos 32min, quando Negueba fez uma grande jogada individual na área do Figueirense e parou em boa defesa do goleiro Wilson.

Aos 34min, a situação do Flamengo ficou mais fácil na partida, já que o zagueiro Anderson Conceição foi expulso pelo segundo cartão amarelo após cometer falta em Vagner Love. Na cobrança flamenguista, a bola desviou e bateu na trave. Na sequência do lance, Love perdeu um gol na cara do gol adversário. Aos 43min, o Figueirense perdeu a melhor chance da etapa inicial, com Roni, que perdeu gol sozinho, de cara para Felipe. Antes do intervalo, o Flamengo viu a vantagem do homem a mais ir embora com Léo Moura expulso após carrinho por trás em Roni.

O começo do segundo tempo foi marcado por muitos erros de ambos os times, deixando o jogo bem ruim - fato que os torcedores de ambas as equipes já estão acostumados. O Flamengo marcou na primeira chance que teve, aos 17min, com Vagner Love de cabeça após cobrança de escanteio. Com o gol, o atacante do time rubro-negro encerrou o longo jejum de oito jogos sem marcar.

No restante da partida, o Flamengo passou a fazer o básico para levar a vitória. Aos 31min, Ibson quase ampliou em chute de fora da área. O Figueirense deu um grande susto nos torcedores rubro-negros aos 35min, quando Loco Abreu completou um cruzamento de cabeça na trave. No fim do jogo, Vagner Love ainda fez o segundo, após ganhar da zaga catarinense e colocar pro fundo das redes na saída do goleiro. Melhor para Dorival Júnior, que sai de Santa Catarina com a primeiro vitória no comando da equipe carioca.

Fonte: Terra