Em jogo de oito gols, Vitória marca no fim e estraga reação do Atlético-PR

O Vitória fez um primeiro tempo impressionante na Vila Capanema, abrindo o placar com o meia Renato Cajá

Em um dos jogos mais quentes deste Campeonato Brasileiro, o Vitória conseguiu um resultado incrível na Vila Capanema. Diante do Atlético-PR, surpresa no grupo de cima da tabela de classificação, a equipe baiana chegou a abrir 3 a 0 no primeiro tempo e ceder a igualdade, mas acordou no final e saiu de campo com um triunfo por 5 a 3, disparando para a sexta colocação.

O Vitória fez um primeiro tempo impressionante na Vila Capanema, abrindo o placar com o meia Renato Cajá aos 16min e ampliando a vantagem graças a gols dos ex-palmeirenses Ayrton e Dinei, aos 29 e aos 43min, respectivamente.

O Atlético-PR, porém, não se abalou e mostrou um poder de reação igualmente incrível na segunda etapa: Ederson diminuiu aos 11 e aos 17min e Roger decretou o 3 a 3 aos 23min.

No entanto, o Vitória soube respirar fundo e manter a concentração, apesar da euforia dos paranaenses. William Henrique recolocou os baianos em vantagem aos 37min e Ayrton fechou a contagem quatro minutos depois.

O resultado impediu que o Atlético-PR assumisse a vice-liderança do Campeonato Brasileiro: o time de Vágner Mancini seguiu com 41 pontos, um a menos que Grêmio e Botafogo, segundo e terceiro colocados (nesta ordem). Já o Vitória, com 34 pontos, deu um grande salto na tabela, saindo do 12º para assumir o sexto lugar.

O Atlético-PR agora tem pela frente um confronto direto com o vice-líder Grêmio, programado para as 19h30 (de Brasília) desta quarta-feira, pela 25ª rodada do Brasileiro. No mesmo dia, o Vitória recebe o Goiás em Salvador, às 21h.

Fonte: Terra