Empresário não garante Adriano "Imperador" no Flamengo até o fim da Taça Libertadores

Rinaldi lembrou que não foi por causa do aumento de 40% no salário que Adriano permaneceu

O Flamengo ainda nem iniciou a disputa da Taça Libertadores, mas previne-se de eventuais problemas se chegar à fase final da competição. O contrato de Adriano termina em maio, e ele teria que prorrogá-lo para ficar. Para o vice de futebol do clube, Marcos Braz, a questão é simples, e o Imperador joga normalmente se o Rubro-Negro avançar.

Neste domingo, o empresário do atleta, Gilmar Rinaldi, não foi tão contundente. Ele quer aguardar os acontecimentos do primeiro semestre para, depois, pensar no assunto.

- Tem muita coisa para acontecer até lá ? disse.

Rinaldi lembrou que não foi por causa do aumento de 40% no salário que Adriano permaneceu. O jogador tinha propostas tentadoras de Milan, Olympiacos e West Ham.

- O dinheiro nunca foi importante para o Adriano. Ele quer ficar perto dos amigos, da família e tem como meta disputar a Copa do Mundo ? afirmou o agente.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com