“Erramos muito”, avalia treinador do Fla-PI Paulo César Schardong

Disse que vai regularizar cinco ou seis atletas

A análise do treinador do Flamengo/PI, Paulo César Schardong, depois do empate sem gols com o Caiçara, ficou no meio-termo. Para o comandante rubro negro, a equipe falhou por não cravar a vitória na es- treia na Copa Piauí, mas também apresentou pontos positivos.

“O resultado não é bom. Dentro de casa, temos que conseguir os três pontos. Mas a movimentação foi boa. Nós propomos o jogo o tempo inteiro. No entanto, erramos demais no aspecto da posse de bola no campo do adversário”.

O treinador prometeu um elenco com uma postura diferente já no próximo compromisso - contra o Piauí, na próxima quarta (09), no Albertão. Para isso, espera contar com mais peças. “Vamos regularizar cinco ou seis atletas que não estiveram disponíveis na primeira rodada, e por conta disso o time estará bem diferente, e muito mais forte”.

O meia-atacante Darlan já carrega há algum tempo a responsabilidade de ser uma das lideranças desse Fla/PI cheio de caras novas. Questionado sobre o desempenho do time, o jogador também aproveitou para fazer uma autocrítica.

“Fizemos uma apresentação muito abaixo do que vínhamos treinando. Não conseguimos assimilar o trabalho do professor. Eu, particularmente, não fiz a partida que todos esperavam. Temos um clássico pela frente e, agora, é trabalhar”.

Image title


Passarinho promete crescimento no Caiçara

14 jogadores. Era tudo o que o técnico Sérgio Passarinho, do Caiçara, tinha à disposição na partida contra o Fla-PI na estreia do Leão na Copa Piauí.

O clube teve problemas para regularizar jogadores a tempo e, para o treinador, esse contexto fez com que o empate sem gols contra os rubro-ne- gros tivesse um sabor de vitória.

“Esse grupo vai crescer muito ainda. As dificuldades da primeira rodada foram muito grandes. Grupo muito reduzido, inclusive com um goleiro que entraria jogando na linha caso fosse necessário”, ressaltou Passarinho, após o jogo no Albertão.

O treinador espera poder contar com mais atletas para o próximo desafio da equipe - o duelo contra o Parnahyba, no sábado (05), pela segunda rodada, no estádio Felipão, na cidade de Altos (vale lembrar que o Deusdeth de Melo foi vetado pela FFP por conta das condições do gramado).

“Nosso objetivo é dar sequência ao trabalho, agora com todo o grupo junto. Esse time foi treinado até a sexta-feira de uma forma. Mas na última hora tive que mudar tudo porque perdemos sete jogadores. É muito difícil, mas eles estão se dedicando. Estamos valorizando jogadores de Campo Maior”, finalizou o treinador alvirrubro.

Fonte: Dowglas Lima