Especulado no Brasil, Guardiola espera por Manchester United

Especulado no Brasil, Guardiola espera por Manchester United

Josep Guardiola teria como grande objetivo suceder a Alex Ferguson

Especulado como o novo técnico da Seleção Brasileira, Josep Guardiola teria como grande objetivo suceder a Alex Ferguson no Manchester United. Neste fim de semana, o diário inglês The Sun cita uma "fonte próxima" ao ex-treinador do Barcelona ? esta informa que o espanhol "realmente quer esperar por um emprego no United mesmo que isso signifique estender seu tempo fora do jogo".

Guardiola está sem trabalhar desde maio, quando deixou o Barcelona após quatro temporadas e 14 títulos conquistados pela equipe catalã. Desde então, o espanhol vive com a família em Nova York em um ano sabático do qual disse que precisava para recuperar as energias.

O diário lembra que Guardiola e Ferguson têm um bom relacionamento e se encontraram recentemente na cidade americana, onde o escocês esteve em setembro para acompanhar o Aberto dos Estados Unidos de tênis.

Segundo a fonte, o catalão admira ?toda a história do Manchester United? e poderia assumir o clube ao fim da atual temporada europeia, se o escocês decidir sair. Caso contrário, Guardiola poderia permanecer mais um ano sem trabalhar, aguardando uma possível nova chance no clube.

O escocês Ferguson, 70 anos, está no Manchester United desde 1986. O ex-treinador do Barcelona é fortemente especulado também no Chelsea, mas a fonte aponta que ficaria ?atônito? se Guardiola acertasse com o time londrino.

A informação também é publicada pelo diário inglês Daily Mail, que aponta que o espanhol busca mais ?estabilidade? e possivelmente não teria isso no Chelsea, cujo dono, o bilionário russo Roman Abramovich, é conhecido pela falta de paciência com treinadores.

Na semana passada, Abramovich demitiu o italiano Roberto di Matteo seis meses após a conquista da Liga dos Campeões da Europa. O substituto é o espanhol Rafael Benítez, que assinou contrato somente até o fim da atual temporada, o que abriria uma porta para a possível chegada de Guardiola.

Fonte: Terra, www.terra.com.br