Eto"o leva gancho e multa de R$ 70 mil por cabeçada em jogador

Eto"o leva gancho e multa de R$ 70 mil por cabeçada em jogador

Além da punição, atacante camaronês terá que pagar R$ 70 mil

A Liga Italiana anunciou nesta terça-feira que o atacante camaronês Samuel Eto?o foi suspenso por três jogos por causa de uma cabeçada que atingiu o peito do zagueiro esloveno Bostjan Cesar, do Chievo. O jogador nem levou o cartão amarelo pelo lance, mas foi flagrado pelas câmeras do estádio, e por isso acabou sofrendo uma punição maior da entidade.

Eto"o ainda poderá atuar diante do Twente, em jogo marcado para as 17h45m desta quarta na Holanda pela Liga dos Campeões, mas descalcará o Inter diante de Parma, Lazio e Cesena, pelo Italiano. Ele defenderá a equipe diante do Werder Bremen no próximo dia 7, no Giuaseppe Meazza, em Milão. Depois, só entrará em campo novamente no dia 14 de dezembro em Abu Dhabi, para a disputa das semifinais do Mundial de Clubes. Retorno ao campeonato nacional somente em 2011.

Além da suspensão, o atacante do Internazionale ainda vai ter que pagar uma multa de ? 30 mil (R$ 70 mil). O Tribunal Desportivo Italiano explicou que a prova de TV foi determinante para a punição, já que os árbitros da partida não viram o lance. O gesto de Eto?o foi considerado intencional e de conduta violenta.

O incidente aconteceu aos 38 minutos do primeiro tempo da derrota do Inter de Milão para o Chievo, por 2 a 1, pelo Campeonato Italiano, no último domingo. Eto?o foi atingido no rosto por Cesar e, irritado, deu uma cabeçada no peito do rival, que caiu no gramado, lembrando Marco Materazzi há quatro anos, durante a Copa do Mundo, na Alemanha. Na época, Itália e França decidiam o torneio, e Zidane reagiu a uma provocação do italiano com um golpe de cabeça. O lance ocasionou a expulsão do craque francês.

Sabendo da punição, Rafael Benítez, técnico do Inter, tentou amenizar a agressão do atleta.

- O que o Eto"o fez não foi bom, mas ele tomou um soco antes e foi provocado. Ele perdeu um pouco o controle - disse o treinador.

Em comunicado publicado em seu site oficial, o Inter de Milão avisou que irá recorrer contra a punição aplicada ao jogador.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com