"Eu me sentiria realmente mal de lutar novamente contra Anderson Silva", afirma Chris Weidman

"Eu me sentiria realmente mal de lutar novamente contra Anderson Silva", afirma Chris Weidman

Weidman nunca escondeu que tinha Anderson como um de seus grandes ídolos no esporte

?Não gostei nada de ele ter quebrado a perna. Foi uma sensação agridoce, senti que estava dominando a luta. A fratura impediu que eu pudesse continuar meu show. É uma lesão muito dura para se voltar e eu me sentiria realmente mal de lutar novamente contra ele. Eu sei que ele ficaria um pouco hesitante para me chutar. Ele teria é de se preocupar em ser nocauteado. Eu o venci duas vezes. Não sei se essa luta seria justa de ser realizada.?

Essa é provavelmente a última declaração que vou publicar aqui no blog de Chris Weidman sobre sua segunda vitória contra Anderson Silva. Passadas quase duas semanas do confronto no UFC 168, essa aspa do norte-americano é uma boa maneira de encerrar o assunto, já que o campeão falou um pouco sobre o futuro dessa disputa.

Weidman nunca escondeu que tinha Anderson como um de seus grandes ídolos no esporte e, até por isso, sempre esteve muito motivado para vencê-lo. Agora, não quer que essa história tenha um terceiro capítulo. ?Mesmo com essa derrota, Silva continua sendo o melhor de todos os tempos?, resumiu o dono do cinturão dos médios do UFC.

Fonte: UOL