Ex-gordinha, musa da queda de braço mostra evolução do corpo em 7 anos

Heptacampeã mundial, Sarah Backman afirma que "a vida é uma jornada que nunca acaba" em post motivacional com montagem de forma física desde 2006

Heptacampeã mundial de queda de braço, a musa sueca Sarah Backman voltou a ser assunto nas redes sociais. "Gordinha" quando mais nova, ela postou uma montagem mostrando sua evolução ao longo do tempo. As fotos começam com sua forma em 2006, mais cheinha, e terminam em 2013, bastante sarada. Na postagem, ela encoraja os seguidores a correrem atrás de seus objetivos.


Ex-gordinha, musa da queda de braço mostra evolução do corpo em 7 anos

- A vida é uma jornada que nunca acaba, um progresso constante. Todos começamos de algum modo e temos um passado, uma transformação e uma jornada cheia de experiências e memórias que nos fazem únicos e o que somos hoje. Nunca esqueça de onde você veio e tudo o que você fez para chegar onde está. Você pode e deve alcançar tudo que quer em sua vida, nada é impossível. Enquanto seguimos em frente, criamos novas metas e sonhamos. O que te faz feliz é onde seu foco deve estar! #vida #transformacao #estilodevida #progressos #wwe #wwedivas #trabalhodurovaleapena #nadaimpossivel #garotascommusculos - disse Sarah.

Em abril, quando perdeu para a brasileira Gabriela Vasconcelos na revanche da feira esportiva de Arnold Schwarzenegger, ela já havia revelado ter sido "gordinha" quando mais jovem, chegando a pesar 90 kg.

A queda de braço virou um esporte oficial internacionalmente em 1967, com a fundação da Federação Mundial (WAF), que hoje já tem cerca de 120 países filiados. No Brasil, a modalidade se tornou oficial 10 anos depois. O país esteve presente em todos os campeonatos mundiais realizados até hoje, desde 1980.

Fonte: GloboEsporte.com