Fabuloso promete ano mais calmo e avisa que São Paulo vai dar trabalho

Artilheiro na única vez que jogou a Libertadores, Luis Fabiano ignora rivais e se agarra ao Morumbi para chegar à conquista, longe de problemas

A tristeza pela expulsão na primeira partida da decisão da Copa Sul-Americana não está mais na feição de Luis Fabiano. Sorriso no rosto, brincadeiras aos montes durante o confinamento no CT de Cotia e uma língua afiada para fazer projeções sobre 2013. No ano em que os clubes brasileiros que disputarão a Taça Libertadores esbanjam estrelas em seus ataques, como Alexandre Pato, Fred, Barcos e Ronaldinho Gaúcho, o Fabuloso foge do discurso humilde. Mais que isso, visualiza uma temporada ainda melhor que a anterior, quando fez 31 gols em 44 partidas.


Fabuloso promete ano mais calmo e avisa que São Paulo vai dar trabalho

- Eu aposto em mim mesmo. Apesar de muita gente falar de outros atacantes, eu estou sempre aí - cravou.

Há a esperança, mas também desconfiança. Luis Fabiano não acumula apenas gols. Ele também coleciona problemas e preocupa técnico, dirigentes e torcedores. Agora, promete uma versão mais ?light? para tentar realizar o sonho de conquistar a América. A mesma em que foi artilheiro em 2004, quando parou nas semifinais.

- Esse ano vai ser diferente - garantiu.

Para atingir o objetivo e recuperar espaço na Seleção Brasileira, o camisa 9 se apega ao Morumbi, palco em que soma nada menos que 90 gols em 101 partidas. É lá que o São Paulo estreará na fase prévia da Libertadores, contra o Bolíviar, às 22h desta quarta-feira (horário de Brasília). É lá a casa do Fabuloso.

- O São Paulo vai dar trabalho - prometeu.

Fonte: GloboEsporte.com