Ferj pede liberação do governo para usar Maracanã nas finais do Carioca

Maracanã ainda passa por obras para a Copa das Confederações deste ano

A Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) quer usar o Maracanã nas partidas decisivas do Campeonato Carioca. A federação pretende entregar nesta terça-feira ao governo um pedido formal para liberação do estádio para jogos do torneio.

O objetivo inicial da entidade é usar o Maracanã a partir das semifinais da Taça Rio, que começam no dia 27 de abril. De acordo com a própria Ferj, uma liberação apenas para a decisão do Estadual, que acontece nos dia 12 e 19 de maio, também seria aceita. Para isso, o Botafogo precisa ser superado no segundo turno do Estadual.

Nos últimos dias, a Ferj já discutiu informalmente com integrantes do governo do Estado do Rio de Janeiro a liberação do Maracanã. Só agora, entretanto, enviará ofício pedindo a utilização do estádio. O documento deve chegar às mãos do secretário de Esporte e Lazer, André Lazaroni, durante esta terça-feira.

O Maracanã está nos últimos dias de sua reforma para a Copa do Mundo de 2014. O prazo para a conclusão da obra é o próximo dia 27 de abril. No mesmo dia, será realizada uma partida amistosa entre um time de amigos de Ronaldo e amigos de Bebeto. O jogo servirá como evento-teste para a Copa das Confederações.

Nessa ocasião, só 30% da capacidade do Maracanã - de 78 mil torcedores ? será utilizada. Apenas operários, seus familiares e convidados estarão presentes no estádio.

No dia 15 de maio, ocorrerá outro evento-teste, que ainda está indefinido. No evento, será usada 50% da capacidade do estádio. Portanto, cerca de 40 mil pessoas estarão presentes.

O número é considerado suficiente para a Ferj realizar as fases decisivas da Taça Rio e do Estadual. Apesar disso, existe a ressalva sobre os confrontos. Por questão de segurança, partidas entre grandes e pequenos têm mais chances de serem liberadas pelo governo.

Procurada, a Secretaria de Esportes e Lazer disse que irá se pronunciar apenas após o recebimento do documento.

A data para a abertura completa do estádio ao público está programada para o dia 2 de junho, no amistoso entre Brasil e Inglaterra. A partida será o último teste do Maracanã para a Copa das Confederações, que começa no dia 15 do mesmo mês.

O prazo inicial para a conclusão da reforma do estádio era dezembro do ano passado. Com o cronograma original, dirigentes da Ferj esperavam contar com o estádio para o Carioca. Atrasos, entretanto, impediram o uso do estádio.

Com a interdição do Engenhão em março, o Carioca ficou sem casa para grandes jogos na capital do Estado. Caso o Maracanã não seja liberado, as decisões serão realizadas no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

Fonte: UOL